Tag: ‘doce’

27
mai
2014

Doce de Maçã em Calda

por: Patty Martins

Doce de Maçã em Calda

Esse doce de maçã em calda é muito bom para comer puro, ou quentinho com uma bola de sorvete, ou ainda como recheio de bolos e tortas. Muito versátil né gente?

Esse doce é ótimo para aproveitar a safra da maçã, quando conseguimos comprar a fruta com um preço muito bom. Eu faço pouco ele, porque é difícil comprar maçã com um preço bom aqui em Garanhuns, faço mais usando bananas. Quando compro maçã, as crianças preferem comer in natura, o que eu acho bem melhor.

Mas, as vezes encontro maçã com um precinho bom, daí aproveito. Foi o que aconteceu na semana passada, então fiz esse doce, vem ver:


1
abr
2014

Receita de Geleia de Umbu

por: Patty Martins

Geleia de umbu

Verão é época de umbu aqui no Nordeste do Brasil.  O umbuzeiro é aquela árvore frondosa que dá sombra com sua copa bem grande e arredondada. Eu amava quando era criança ficar em baixo de um umbuzeiro, as vezes até deitada em uma rede, ô tempos bons aqueles de criança na Bahia.

Em muitas feiras da Bahia encontramos para comprar o doce de umbu, que é um doce de corte e também encontramos, o doce da raiz do umbuzeiro. A raiz do umbuzeiro é uma batata que conserva muita água e  com ela é feito esse doce, que nos dias atuais já não é tão fácil de encontrá-lo, mas ele é muito gostoso, era um dos doces preferido de minha avó.

Hoje eu fiz a receita de Geleia de Umbu aqui em casa, o sabor dela é surpreendente pois é doce, mas tem um azedinho super especial. Uma delícia que dá água na boca.

Para fazer a geleia sempre use uma medida de polpa da fruta, com meia medida de açúcar e meia medida de água. Eu usei como medida a xícara, mas pode usar qualquer recipiente, respeitando as proporções. Veja como fiz:


20
fev
2014

Bala de Coco Gelada da Elaine

por: Patty Martins

Bala  de coco

Essa Receita de Bala de Coco é TUDO. Quem já comeu dela, sabe do que eu estou falando. Ela derrete na boca e sinceramente nunca comi uma tão gostosa e bem feita como essa que a Elaine Rossomano faz em Araraquara, no interior de São Paulo.

Aproveitando minha viagem de férias e aproveitando que estava em Araraquara, claro que pedi para a Elaine nos mostrar sua Bala de Coco, o que ela generosamente fez, e mais que isso, nos ensinou.

Conheço a Elaine há muito tempo, antes mesmo da época que eu morava em Araraquara. Faz muito tempo que ela faz essas balas para a família e amigos, mas fazia tanto sucesso que mais recentemente ela começou a fazer profissionalmente e já pensa até em expandir e montar uma pequena empresa, aposto que ela vai conseguir.


13
jul
2012

Doce de Jaca em Calda

por: Patty Martins

Para mim jaca é uma daquelas coisas que tem quem goste e quem odeie, não tem meio termo. Não tem aquela coisa de “gosto mais ou menos”. Eu sou das que gosta. E gosto dela pura ou feito doce em calda ou em barra e também gosto, sendo ela jaca dura ou jaca mole. Nem dá para perceber que sou uma jacólatra, kkkk. #alokadajaca

Eu gosto tanto, que quando me mudei para o interior de São Paulo e minha mãe fazia doce de jaca, ela mandava para mim pelo correio. Como diria a Narcisa “Ai! Que absurdo”, mas ela mandava, tô falando sério. Depois, eu mesma comecei a fazer doce de jaca em casa.

Eu, muitas vezes ia para Ribeirão Preto, para um lugar que tinha uns pés de jaca, então voltava para casa carregada de jaca. Foi em Ribeirão que eu, pela primeira vez, experimentei sorvete de jaca, foi lá no Geraldo. Quem é de Ribeirão ou da região sabe do que eu estou falando e quando você for por lá não deixe de passar pelo Geraldo, lá na avenida Saudade. Pode perguntar para qualquer um em Ribeirão que eles vão te dizer onde fica o Geraldo. O melhor sorvete de todos os tempos.

Aqui no Nordeste, quando é época de jaca, você encontra em praticamente toda feira. Esse dias meu marido passou pela feira que tem aqui perto de casa e me trouxe um saquinho de jaca, esse aí da foto. Já vem somente os bagos de jaca, bem mais prático, pois é só retirar os caroços e usar. Veja como fiz o doce:

 

Doce de Jaca em Calda

Ingredientes

3 xícaras (de chá) de polpa de jaca dura

1 xícara (de chá) de açúcar

1 xícara (de chá) de água

6 a 8 cravos

Modo de Preparo

Retire os caroços da jaca, lave e escorra bem. Em uma panela coloque o açúcar, os cravos e a água, leve ao fogo até ferver e formar uma calda rala. O meu ficou uns 10 minutos no fogo. Quando a calda ficar pronta adicione a jaca e volte para o fogo, mexendo de vez em quando. Deixe cerca de 30 minutos cozinhando. Estará pronta quando a calda começar a mudar de cor e a jaca ficar meio transparente. Retire do fogo, coloque em um vidro e espere esfriar. Conserve na geladeira em um vidro bem fechado.

Se preferir pode fazer:

Doce de Goiaba em Calda

 

Doce de Caju em Calda

 


Página 1 de 712345...Próxima
cache control3