Tag: ‘macaxeira’

28
fev
2015

Palitos de Macaxeira Assados (aipim, mandioca)

por: Patty Martins

Palitos de aipim assados

Esse é um petisco delicioso, sinceramente, gosto mais do que batata frita e é saudável. Principalmente se for feita com uma macaxeira de boa qualidade, bem molinha e sem fibras.

Aqui em casa há muito tempo não faço batata frita, faço essa macaxeira assada, faço tanto para almoço e jantar, quanto para petiscar e todos gostam muito. As vezes comemos ela assim mesmo, purinha, outras faço um molhinho para acompanhar.

Aqui nessa receita já usei a macaxeira cozida, porém se você tiver alguma dúvida de como cozinhar macaxeira tem um post aqui no blog sobre isso, é só clicar aqui:

Como cozinhar macaxeira

 

A nutricionista Fernanda Zanovello nos fala dos nutrientes que tem nesse prato, veja:

MACAXEIRA (também conhecida como aipim ou mandioca)

A macaxeira (aipim ou mandioca) é fonte de carboidratos (fornece a energia necessária para nossas atividades diárias), cálcio, potássio, fósforo.

 PIMENTA-DO-REINO

Pimenta-do-reino contém piperina, substância química responsável pela ardência da pimenta (promove a liberação de endorfinas pelo cérebro, provocando sensação de bem estar), ação vasodilatadora e descongestionante, vitamina C (ação antioxidante que previne a formação de radicais livres responsáveis por danos celulares, melhora imunidade, cicatrização), vitamina A (importante para uma visão saudável, crescimento e desenvolvimento ósseo), efeito termogênico (acelera o metabolismo, contribuindo para queima de gordura corporal).

 SAL MARINHO

Sal marinho é proveniente da evaporação da água do mar. Não sofre refinamento, por isso conserva mais minerais. Contém sódio (essencial para distribuição orgânica de água e volume sanguíneo), iodo (componente dos hormônios tireoidianos T3 e T4, responsáveis pela transformação energética, crescimento, reprodução, função neuromuscular e manutenção do metabolismo celular), enxofre (auxilia no processo de detoxificação do fígado), cálcio, magnésio e flúor (essencial para o crescimento, reprodução normal e prevenção da anemia; componente dos ossos e esmalte dos dentes, prevenção de cáries e osteoporose). 

 AZEITE DE OLIVA

Azeite de oliva tem ácidos graxos monoinsaturados (que contribuem para manutenção de baixos níveis de colesterol ruim – LDL e aumento do bom colesterol – HDL), prevenção de doenças cardiovasculares (aterosclerose), antioxidantes (polifenóis, que protegem as células dos danos causados pelos radicais livres), auxilia no bom funcionamento intestinal. 

Agora veja como fiz:


9
ago
2014

Nhoque de Macaxeira (aipim, mandioca)

por: Patty Martins

Nhoque de aipim

Essa receita de Nhoque de macaxeira, ou de aipim, ou mandioca, como é chamado em algumas regiões do Brasil é uma opção ao clássico Nhoque de Batatas tão conhecido por todos. Aqui em casa todos gostam muito de nhoque, seja ele feito de batata, macaxeira, abóbora, ricota, espinafre ou outro. Aliás, dá para fazer nhoque de uma porção de coisas.

Eu fiz esse nhoque da maneira clássica, fazendo rolinhos e cortando em pedacinhos, mas essa receita fica um escândalo se você fizer recheado. Basta você pegar porções de massa, abrir na mão, colocar o recheio e fechar, fazendo uma bolinha (como se fosse um docinho). Depois você cozinha como qualquer nhoque, em bastante água quente. Para o recheio você pode usar o que preferir, o que eu gosto muito é de rechear com pedaços de queijo, dai quando você morde para comer fica aquele puxa-puxa (salivei).

Bem, da próxima vez vou fazer recheado para fazer vocês babarem no teclado com o queijo derretendo, mas por hora deixa eu mostrar como fiz esse, veja:


22
mai
2014

Purê de Macaxeira (mandioca, aipim)

por: Patty Martins

Pure de macaxeira

Hoje venho com uma receita  básica, Purê de Macaxeira (aipim, mandioca). Ele é um ótimo acompanhamento para qualquer carne assada ou para qualquer carne ensopada, guisada. Mas, eu acho que ele nasceu para ser o acompanhamento perfeito para carne do sol e charque (opinião nada tendenciosa de uma nordestina, rs).

Se você quiser dar uma pesquisada aqui no blog, tem todas essas receitas de carnes. Ainda não sabe como pesquisar aqui? Muito simples, lá em cima, do lado direito do blog tem uma caixinha onde está escrito “Pesquise no blog”, daí é só colocar o nome do ingrediente ou da receita que você está procurando e clique no desenho da lupa que tem do lado, viu que é fácil?

Esse purê é facílimo de fazer e varia o purê de batata que todo mundo faz. Fora que ainda dá para você reaproveitar o aipim (macaxeira, mandioca) que você cozinhou para comer e sobrou.

Bem, veja como eu faço:


13
mai
2013

Bobó de Charque

por: Patty Martins

Bobo+de+charque+(9)

Muita gente conhece o tradicional prato da culinária baiana, Bobó de Camarão que é o mais comum, mas tem também o Bobó de Galinha e o Bobó de Peixe. Mas, poucos conhecem o Bobó de Charque. Pelo menos vejo poucas receitas. Tanto que quando resolvi fazer essa receita que eu tenho há muito tempo, fui pesquisar na Internet. Até tem algumas, mas não é tão comum.

Fiz esse fim de semana aqui em casa e vou mostrar para vocês como é essa receita que tenho. É mais uma opção bem saborosa para se fazer com charque.


18
abr
2013

Carne do Sol com Macaxeira

por: Patty Martins

macaxeira+com+carne+do+sol

Agora que já vimos Como Cozinhar Macaxeira e também como Fazer Carne do Sol Acebolada que tal juntar as duas e fazer um prato regional muito comum aqui no Nordeste: Carne do Sol com Macaxeira?

Eu usei manteiga de fazenda, aquela bem boa, sabe qual é? Mas, para ficar bem típico mesmo, use manteiga de garrafa, agora se você não tiver, não deixe de fazer, use a manteiga que você tiver em casa.


15
abr
2013

Como cozinhar macaxeira (aipim ou mandioca)

por: Patty Martins

Como+cozinhar+macaxeira+(6)

Macaxeira, aipim ou mandioca são alguns dos nomes pelo qual essa raiz tão brasileira é conhecida. Eu nasci na Bahia, lá chamávamos aipim, depois morei no interior de São Paulo e lá é chamada de mandioca e agora que moro em Pernambuco chamamos macaxeira.

Sempre faço receitas usando macaxeira e quando publico sempre tem alguém me perguntando como cozinhar a macaxeira, então hoje vou mostrar como faço. Eu sei que no Brasil inteiro se come macaxeira, mas como aqui no Nordeste acho que nenhum lugar se compara. Aqui comemos no café da manhã, no almoço e no jantar. Comemos doce, quando fazemos bolos, etc…, comemos cozida com manteiga, comemos frita, usamos como base em algumas receitas, ou seja o céu é o limite, hehehe.

Cozinhar macaxeira não tem segredo. É só colocar tudo no fogo com água e pronto. Mas, o problema é que o tempo pode variar muito. Você pode ter comprado uma macaxeira bem novinha que em 20 minutos vai estar pronta, ou pode ter uma raiz mais velha que vai demorar muito mais para ficar pronta. Mas, vamos começar pelo começo e ver como fiz:


17
mai
2012

Receita de Tapioca

por: Patty Martins

Bem, na verdade não é uma Receita de Tapioca, mas vou mostrar como faço tapioca aqui em casa.

Hum, que delícia comer uma tapioca quentinha no café da manhã, eu gosto demais. Daí, como só com manteiga e queijo. Mas, quando eu quero uma mais incrementada aí coloco coco ralado com leite condensado ou outro recheio, tem uma infinidade de opções. Em muitas capitais do nordeste a gente encontra barraquinhas que vendem tapioca recheada com todo tipo de recheio, são combinações tanto doces como salgadas. Mas, algumas são tenebrosas. Ano passado experimentei uma com hambúrguer e mais uma pá de coisas que sinceramente não gostei, foi em João Pessoa. Mas, em compensação comi uma de carne seca em Maceió que foi de pedir bis, um recheio bem cremoso e divino.

Eu sei que, quem não mora na Região Nordeste normalmente não tem acesso à goma de mandioca (que é com que é feito a tapioca, foto 1), mas o bom é que, comer tapioca virou um tipo de modinha, então em muitos estados já se encontram barraquinhas que vendem tapioca e até a goma para comprar. Eu mesma vi várias em São Paulo na última vez que fui lá. Em São Paulo também, da para encontrar a goma em algumas feiras. Quando eu morava no interior de São Paulo eu costumava encontrar nas chamadas “Casa do Norte” (são lojas onde vendem produtos nordestinos).

Portanto se você tiver acesso a goma, compra e faz em casa, é muito fácil.


30
nov
2011

Lasanha de Panqueca de Puba Com Carne Seca

por: Patty Martins

Lembra da Panqueca de Puba que fiz há uns dias atrás? Fiz de novo, só que desta vez resolvi fazer uma lasanha usando as panquecas no lugar da massa de lasanha tradicional. Não podia ter ficado mais gostosa. Esta Panqueca de Puba foi um achado. Ela é levíssima e deliciosa e combinada com a carne seca e com a muçarela, vixe meu Deus, pura perdição.

Veja como eu fiz:


26
nov
2011

Blinis ou Panqueca de Puba

por: Patty Martins

Quando eu fiz Puba, a Bruna, que tem o blog Gourmandisme deixou um comentário dizendo que a Puba estava na moda e que ela ouviu falar da Puba em alguns cursos que fez com o Alex Atala e com o Rodrigo Oliveira. Daí eu perguntei mais a respeito porque nunca imaginei que tinham outras receitas de Puba, que não fosse o bolo ou o mingau (agora até já descobri outras). Bem, então a Bruna me mandou este email:


28
out
2011

Mingau de Puba

por: Patty Martins

Quando eu falei aqui sobre Puba, a Simone Brito me perguntou no Facebook se eu já tinha experimentado a Papa de Puba, aqui em Pernambuco eles falam papa ou invés de mingau. Eu falei para ela que já tinha ouvido falar, mas nunca tinha experimentado. Agora experimentei.

Aproveitei a Puba que fiz aqui em casa e com um pouco dela fiz o Mingau de Puba para experimentar. Eu gostei, mas para ser sincera não é o melhor mingau que eu já tomei. Por que? Porque eu acho o sabor da Puba bem forte e característico e eu prefiro o sabor de mingau mais suave. Mas se você gosta de Puba e do Bolo de Puba (eu gosto), certamente vai gostar do mingau.

Eu fiz assim:

Mingau de Puba

Ingredientes

1  1/2 xícara (de chá) de Puba

1 xícara (de chá) de açúcar

1/2 xícara (de chá) de leite de coco

1 xícara (de chá) de leite

3 colheres (de sopa) de coco ralado

1 pitada de sal

Canela em pó

Modo de Preparo

Misture a puba com o açúcar e depois vá acrescentando o leite e dissolvendo a puba. Acrescente todos os outros ingredientes, menos a canela em pó. Leve ao fogo, mexendo sempre, até engrossar. Sirva com canela em pó polvilhada por cima.

Clique na foto para ver em tamanho maior

Dica:

  • Eu usei coco seco que fica bem melhor do que o industrializado (leite e coco ralado)

Página 1 de 3123