Categorias
Bebida Dicas Culinárias Geral Legumes e Vegetais Receitas Receitas Para Iniciantes Vida Saudável

Leite de coco é um leite vegetal ótimo para substituir o leite de vaca que é mais alergênico. aprenda a fazer.

Foto: Egahen

Sempre venho ressaltando aqui nas minhas portagens a importância de optar por alimentos mais naturais, e menos industrializados, já que são mais ricos em nutrientes e não possuem aditivos alimentares e substâncias químicas.

E como os estudos científicos vem mostrando cada vez mais que excesso de leite de vaca e derivados na nossa alimentação, pode gerar processos inflamatórios e alergênicos, que tal optarmos também por outros alimentos?!  O ideal então, seria fazermos um rodízio de consumo com leites vegetais, como leite de amêndoas, leite de arroz, leite de aveia, leite de quinoa, ou leite de coco.

Hoje vim trazer uma receitinha super prática e nutritiva para vocês: Leite de Coco Caseiro.

Além de ser rico em vitaminas e minerais o leite de coco  possui como principal  fonte de gordura, o ácido láurico, que tem ação antimicrobiana e antifúngica.

Eu costumo usar bastante o leite de coco em receitinhas de bolos, tortas nutritivas e peixes,  retirando o leite de vaca. Pode ser utilizado também para tomar com cacau em pó ou fazer um mingau delicioso com aveia e cacau, que tal???

Vamos então a receitinha?

Categorias
Arroz, Macarrão, Panqueca e Lasanha Legumes e Vegetais Receita Salgada

Nhoque de Macaxeira (aipim, mandioca)

Essa receita de Nhoque de macaxeira, ou de aipim, ou mandioca, como é chamado em algumas regiões do Brasil é uma opção ao clássico Nhoque de Batatas tão conhecido por todos. Aqui em casa todos gostam muito de nhoque, seja ele feito de batata, macaxeira, abóbora, ricota, espinafre ou outro. Aliás, dá para fazer nhoque de uma porção de coisas.

Eu fiz esse nhoque da maneira clássica, fazendo rolinhos e cortando em pedacinhos, mas essa receita fica um escândalo se você fizer recheado. Basta você pegar porções de massa, abrir na mão, colocar o recheio e fechar, fazendo uma bolinha (como se fosse um docinho). Depois você cozinha como qualquer nhoque, em bastante água quente. Para o recheio você pode usar o que preferir, o que eu gosto muito é de rechear com pedaços de queijo, dai quando você morde para comer fica aquele puxa-puxa (salivei).

Bem, da próxima vez vou fazer recheado para fazer vocês babarem no teclado com o queijo derretendo, mas por hora deixa eu mostrar como fiz esse, veja:

Nhoque de Macaxeira (aipim, mandioca)

Rendimento: 6 porções

Ingredientes

    • 1/2 kg de macaxeira (aipim, mandioca)
    • 1 colher (de sopa) de manteiga
    • 1 ovo
    • 1 colher (de sopa) de queijo parmesão ralado
    • 1 pitada de sal
    • 1 xícara (de chá) de farinha de trigo (essa quantidade pode variar se a macaxeira for muito seca ou não)
Para servir

Modo de Preparo

    1. Cozinhe a macaxeira, veja aqui como fazer isso: Como cozinhar macaxeira (aipim, mandioca).
    2. Depois escorra a água e com ela ainda morna, retire a fibra que fica no meio dos pedaços e amasse com um garfo, ou outro espremedor. Depois de amassada espere esfriar.
    3. Coloque em uma tigela a macaxeira amassada, a manteiga, o ovo, o queijo ralado, o sal e vá misturando e acrescentando a farinha de trigo. Se precisar acrescente um pouquinho mais de farinha de trigo, mas a massa tem que ficar de uma forma que dê para fazer rolinhos.
    4. Polvilhe farinha de trigo sobre uma mesa e pegue pedaços da massa e faça rolinhos (é só lembrar daquelas cobrinhas que a gente faz com massa de modelar, é a mesma coisa). Com uma faca corte pedacinhos (como na foto). Eu gosto de cortar pequenos,acho que fica melhor. Vá colocando os nhoques cortados em uma assadeira/bandeja polvilhadas com farinha de trigo. Depois de todos cortados, coloque uma panela no fogo com bastante água para ferver.
    5. Quando a água estiver fervendo, coloque sal. Depois é só ir colocando os nhoques na água fervendo e a medida que eles forem subindo, vindo para a superfície da água, vá retirando com a ajuda de uma escumadeira e colocando em um recipiente (pode ser no que você vai servir).
Dá para você servir de duas formas:
  1. Pode só esquentar o molho de tomate, misturar os nhoques cozidos, depois colocar no prato, polvilhar queijo ralado, enfeitar com folhas de manjericão e servir (como eu fiz).
  2. Ou misturar os nhoques com o molho, colocar em um refratário, polvilhar queijo (pode ser muçarela) e levar ao forno para gratinar (assim fica mais unidos venceremos, mas é muito gostoso também).

Dicas

  • Amassar ou espremer a macaxeira ainda morna facilita muito. Se você deixar ela esfriar para depois fazer isso, vai ver que ela fica mais dura/firme, dificultando o trabalho.
  • Dependendo se a macaxeira é mais úmida, ou mais seca a quantidade de farinha vai variar um pouco. Minha dica é ir colocando aos poucos, até a massa ficar num ponto que dá para enrolar. Cuidado para não colocar demais.
  • Tenha um pouco mais de farinha para poder espalhar na mesa na hora de abrir os rolinhos e também para quando for cortando ir polvilhando sobre os nhoques para eles não grudarem.
  • Eu coloco só uma pitada de sal mesmo, porque o queijo é bem salgado, mas se achar pouco, acrescente mais.
  • Viram que tem um pote descartável com molho de tomates na foto dos ingredientes? Então, quando quero aproveitar o preço do tomate eu faço bastante molho, seguindo a receita que falei lá em cima, coloco em potinhos, colo uma etiqueta com a validade e guardo no freezer, daí quando eu preciso tenho sempre um molho caseiro bem gostoso prontinho.

Categorias
Dicas Culinárias Geral Legumes e Vegetais Receita Salgada Receita Saudável Receitas Para Iniciantes Salgada

Receita de Caldo de Legumes

Como a Mariana Jones, nossa nutricionista, colaboradora aqui do AquinaCozinha, falou há algumas semanas sobre temperos industrializados e temperos caseiros e nos mostrou como fazer um caldo de legumes caseiro e bem saudável, resolvi mostrar um que normalmente faço, que é bem parecido com o que a Mariana faz. Dá para ver que caldo de legumes é uma coisa bem democrática e você pode fazer com os legumes que quiser. Claro que tem a receita clássica ensinada nas escolas de culinária, mas como aqui estamos fazendo para consumir em casa e não em restaurantes, podemos fazer o caldo ao nosso gosto.

Eu confesso que de vez em quando uso caldo pronto (que Mariana não me ouça), sei que não é saudável, mas os últimos meses tem sido punk para mim. Como vocês sabem tenho três filhos, então cuido da casa. dos filhos, não tenho empregada, nem faxineira. Trabalho no blog, que dá um trabalhão com pesquisa, compra, fazer as receitas, tirar e editar fotos e por aí vai e agora estou fazendo um curso de gestão para montar um negócio com meu marido. Então estou surtando. O problema é que às vezes não dá para fazer a comida do dia a dia do jeito que a gente quer,  e aí acabo usando cubinhos de caldo de tempero, mas é uma coisa eventual e por pura falta de planejamento e consequentemente de tempo. Normalmente, quando estou assim como agora, muito ocupada, deixo pronto Tempero Caseiro, lembram dele?

E agora, vou mostrar como  faço Caldo de Legumes, depois de pronto divido em porções e guardo no freezer para usar quando preciso. Esse caldo é bem fácil e prático de fazer, não dá trabalho nenhum. Eu muitas vezes não faço por falta de planejamento mesmo, de ir comprar as coisas e separar um tempo para fazer.

Categorias
Legumes e Vegetais Receita Saudável Salgada Vida Saudável

Temperos industrializados versus temperos caseiros

Foto: Rainer Z  

Há algum tempo já venho querendo escrever para vocês, falando sobre os temperos industrializados e coincidentemente a Patty comentou comigo que alguns de vocês enviaram duvidas de quais os temperos mais saudáveis para serem utilizados. Por isso escrevi esse post hoje.

Eu sei que ele é lindo! Mas, não caiam na armadilha do Rodrigo Hilbert (marido da Fernanda Lima) que diz na propaganda que só cozinha com Caldo Knorr!! Rsrs. (Só pra descontrair um pouquinho).

Sabe-se que os temperos  industrializados  são muito práticos para serem utilizados no dia a dia, e deixam a comida muito saborosa. Mas, se tratando de saúde o uso em excesso traz vários malefícios para nosso organismo, já que contém muito sal, glutamato monossódico, aromatizantes e conservantes  artificiais.

O melhor a se fazer então, é utilizar mais temperos naturais, que  tem diversas propriedades benéficas para nossa saúde.

Categorias
Aperitivos e Petiscos Legumes e Vegetais Receita Salgada Receitas Para Iniciantes Saladas

Receita de Gengibre em Conserva (Shoga Gari)

 No post de ontem quando dei a dica de como descascar gengibre mais facilmente, falei que tinha feito conserva de gengibre, aquela adocicada servida nos restaurantes japoneses.  Eu amo esse gengibre, já fiz algumas vezes aqui em casa e gosto de comer pura, ou com qualquer salada de folhas, fora que para acompanhar vários pratos da culinária japonesa ela é ótima.

Então, vamos aproveitar que nessa época encontramos muito gengibre nos supermercados e vamos fazer? É muito simples e conserva por meses na geladeira.

Você pode fazer a quantidade que quiser, é só manter as proporções, ok? Mas, vou te dizer, faz bastante, compensa mais, já que você pode deixar na geladeira e ir usando.

Categorias
Aperitivos e Petiscos Legumes e Vegetais Receita Salgada Receitas Para Iniciantes Receitas slides peq

Antepasto de Abobrinha

 

Eu gosto de fazer vários tipos de antepastos, gosto de ter esses vidros na geladeira porque quebram um galho quando precisamos e esse antepasto de abobrinha é ótimo para isso.

Sempre que dá faço e deixo ali na geladeira para uma hora de emergência. Eles são ótimos com simples fatias de pão e torradinhas, mas também dão um toque em saladas, servem de entrada e, acreditem, já usei ele até como recheio de torta de liquidificador.

Então, se você tiver abobrinha, experimenta fazer e depois me conta. Aproveita para esses dias de Copa do Mundo, assistir jogo é muito melhor com uns petisquinhos né?

Categorias
Legumes e Vegetais Receita Salgada Receita Saudável Receitas Para Iniciantes Salgada

Receita de Abóbora Assada

Essa é daquelas receitas que amo. Prática demais, deliciosa e qualquer pessoa (mesmo quem tem duas mãos esquerdas, rs) consegue fazer. Fora que faz bonito em qualquer refeição, além de ser baratíssima.

Eu sou muito fã de abóbora, gosto muito mesmo e acho que ela é super versátil, dá para comer assim, assada e purinha, dá para fazer purê, sopa, nhoque, escondidinho, pão, doce e até bolo, e é um legume que normalmente tem o preço bem acessível.

Eu na semana passada fiz uma carne de porco assada e como acompanhamento fiz essa abóbora assada e foi o acompanhamento perfeito junto com um arroz e uma salada. Achei que ela combinou perfeitamente com a carne de porco. Veja a receita da carne de porco clicando aqui:

Carne de Porco Assada

 

Essa receita de carne de porco assada, também é uma receita bem simples de fazer e você pode aproveitar que o forno já está ligado para fazer a carne e fazer a abóbora assada, veja aqui:

Categorias
Comida Nordestina Legumes e Vegetais Reaproveitamento Receita Salgada Receitas Para Iniciantes Torta, Escondidinho, Polenta e Bobó

Purê de Macaxeira (mandioca, aipim)

Hoje venho com uma receita  básica, Purê de Macaxeira (aipim, mandioca). Ele é um ótimo acompanhamento para qualquer carne assada ou para qualquer carne ensopada, guisada. Mas, eu acho que ele nasceu para ser o acompanhamento perfeito para carne do sol e charque (opinião nada tendenciosa de uma nordestina, rs).

Se você quiser dar uma pesquisada aqui no blog, tem todas essas receitas de carnes. Ainda não sabe como pesquisar aqui? Muito simples, lá em cima, do lado direito do blog tem uma caixinha onde está escrito “Pesquise no blog”, daí é só colocar o nome do ingrediente ou da receita que você está procurando e clique no desenho da lupa que tem do lado, viu que é fácil?

Esse purê é facílimo de fazer e varia o purê de batata que todo mundo faz. Fora que ainda dá para você reaproveitar o aipim (macaxeira, mandioca) que você cozinhou para comer e sobrou.

Bem, veja como eu faço:

Categorias
Aperitivos e Petiscos Geral Legumes e Vegetais Receita Salgada Receitas slides peq

Tofu Frito

Fiz esse tofu frito aqui em casa junto com a minha filha, na verdade nunca tinha comido ele assim. Minha filha que veio com essa ideia e eu gostei. Afinal não tem tanta receita com tofu assim, pelo menos eu não tenho.

Tofu (queijo de soja), vamos combinar, que não é um alimento assim, vamos dizer, saborosíssimo. De verdade ele tem um sabor bem neutro que fica bom quando você faz um patê ou come em alguma receita japonesa.

Por isso, eu gostei de fazer ele assim frito, agregou valor sabor.

Ele feito assim, frito, fica ótimo como aperitivo ou como uma entradinha.

Veja como fizemos:

Categorias
Aperitivos e Petiscos Em Outras Cozinhas Legumes e Vegetais Receita Salgada Receitas Para Iniciantes

Cebolas Roxas ao Vinho Tinto

 

Para começar o “Especial 2013 – Receitas para o Fim de Ano” fui na casa da Juliana Cabral Ventura para ela me ensinar a fazer essa receita de Cebolas Roxas ao Vinho Tinto que é uma receita, que de uns anos para cá, não pode deixar de ter nas festas de fim de ano da família dela, principalmente na ceia de Réveillon.

Juliana nasceu aqui em Garanhuns, mas ainda jovem foi morar em Recife para estudar e só está de volta à cidade, há dez anos. Ela voltou a morar aqui depois que casou com o Dr. Ricardo Ventura, que apesar de ser de Recife, veio morar e trabalhar aqui. Na verdade eu conheci primeiro o Dr. Ricardo, que é meu médico e das minhas crianças. Mas, há uns anos atrás, nossas filhas foram selecionadas para o programa de intercâmbio do Rotary e daí as famílias se aproximaram mais. É uma família que eu gosto muito.

Sair da versão mobile