A pimenta mais ardida do mundo

O Guinness Book reconheceu a "Trinidad Scorpion Butch Taylor" como a pimenta mais ardida do mundo.

Direto ao ponto

Eu gosto de pimenta. Mas pimenta, para mim, é como frio, tem que ser na medida, senão é . Imagina só esta pimenta, deve ser cascuda. Não é para os fracos (como eu).

No mês passado o Guinness Book (Livro dos Recordes) reconheceu esta danadinha como a pimenta mais ardida do mundo. O nome dela é “Trinidad Scorpion Butch Taylor” e ela foi considerada 300 vezes mais ardida do que as pimentas usadas nos tradicionais molhos de pimenta.

Ela é cultivada na cidade de Morisset, a 200 km de Sydney, na Austrália pela empresa The Chilli Factory.

Fonte: G1

7 respostas

  1. Oi Patty, tudo bom?

    Sigo seu blog via e-mail, sou nordestina COM MUITO ORGULHO, sou alagoana criada em São Paulo. AMO O BRASIL, seus aromas e sabores, conheço boa parte do Brasil e digo que hospitaleiro como o nordestino não há!

    Vc. fala que seu docê preferido é de jaca, ADORO JACA MOLE, infelizmente em Sampa raras foram as vezes que comi jaca, que dirá mole!!!

    Não conheço Garanhuns, minha mãe conhece, me parece uma cidade bem simpática!

    ÓTIMO DOMINGO A VOCÊ E FAMÍLIA

    Audeni
    http://www.donamocinhadobrasil.blogspot.com

  2. Coraaaagem amiga, eu ein, apesar de muito lindinhas, não curto muito o sabor das vermelhinhas não. Prova aí e depois nos conta!
    Bjos
    Gra
    entrecoposepratos.blogspot.com

  3. Gosto muito de Pimenta, sou nordestina também, da cidade maravilha nossa Suiça Pernambucana . Garanhuns. – Moro no Paraná, mas sempre que possível vou à Granhuns.
    Um grande abraço para todos que fazem parte de toda equipe.
    Parabéns Sra. Patty Martins pelo seu maravilhoso blog.
    Hermanise

  4. Oi Patty você sempre os trazendo novidades, nunca tinha visto pimenta assim, e olha que sou nordestina também KKKKKK. São lindas as danadinhas.
    Beijos

  5. Eu sou nordetino, da cidade de caxias do maranhão. oro em brasilia eu gosto muito de
    pimenta um grande abraço para todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.