Pizza é quase uma unanimidade, não conheço ninguém que não goste, uns mais outros menos, mas todos gostam deste disco de massa, coberto com molho de tomates e com queijo, além de uma infinidade de outros ingredientes. Se for assada no forno a lenha então, não tem para ninguém.


Um pouco de história
Dizem que é muito difícil identificar a origem da pizza. Uns dizem que há mais de 5000 anos já se tem indícios de hebreus, babilônios e egípcios que faziam uma massa de farinha e água assada em fornos rústicos, conhecida como piscea.
No início, só azeite de oliva e as ervas regionais faziam parte da pizza, somente algum tempo depois é que os italianos acrescentaram o tomate, que veio da América. Porém, até então a pizza não era redonda e sim dobrada como um calzone.

Segundo alguns, a pizza que era um alimento de pessoas humildes, em 1889, sofreu uma grande mudança. Raffaelle Sposito, que era considerado o melhor pizzaiolo da época foi convidado para ir ao Palácio do Rei de Nápoles, Ferdinando di Borbone para fazer pizzas para o Rei e a Rainha da Itália que estavam lá hospedados.

Raffaelle fez para o Rei Umberto I e sua esposa a Rainha Margherita três sabores de pizza, uma delas era feita com tomate, azeite, mozzarella e mangericão, feita em homenagem a Rainha e que trazia as cores da bandeira da Itália. A pizza foi chamada de Margherita. A Rainha gostou tanto, que escreveu um bilhete de agradecimento ao pizzaiolo mostrando seu apreço pela homenagem. O agradecimento por escrito da rainha ainda se encontra na “Antiga Pizzeria Brandi”, de Nápoles. Assim surgiu a Pizza Margherita e a pizza no formato redondo com o conhecemos hoje.

                                                                                                       
Pizza Margherita

Hoje temos centenas de sabores de pizza, salgadas ou doce. Temos pizza brotinho, família, quadrada, retangular, por metro. Enfim, para todos os gostos. E como este ano o Dia da Pizza calhou de cair em pleno, sábado, dia “oficial” de comer pizza, kkkk, que tal aproveitar e sair para comer uma destas.
Ai, ai não sei qual escolher para hoje a noite, se uma tradicional como a margherita ou uma nordestina, como a de carne seca. Na dúvida, acho que vou de meia margherita, meia carne seca, será que combinha? Mas, tem que combinar?
De sobremesa uma pizza doce com certeza. Acabei de ver uma reportagem sobre o Dia da Pizza na TV onde apareceu uma de maçã verde com caramelo e nozes, vixe. Mas acho que não tem destas por aqui. Então vou ficar com a de morango com chocolate que é divina.

Qual a sua preferida? Você faz alguma diferente? Conta para a gente aí nos comentários.

Fonte da parte histórica:  Linha do Tempo – Pizza,  Widipedia 

5 respostas

  1. Olá Patty,
    Seu blog tá muito bacana! Adoro uma pizza saborosa, no capricho bem quentinha… hunnn, mas tenho que concordar com a Eliana, tbem é boa fria com café quentinho, rsrsrsr

    Beijos

    Fabi Artmann

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.