Arquivo da tag: como se faz

Como cozinhar macaxeira (aipim ou mandioca)

Como cozinhar macaxeira super fácil

Macaxeira, aipim ou mandioca são alguns dos nomes pelo qual essa raiz tão brasileira é conhecida. Eu nasci na Bahia, lá chamávamos aipim, depois morei no interior de São Paulo e lá é chamada de mandioca e agora que moro em Pernambuco chamamos macaxeira.

Sempre faço receitas usando macaxeira e quando publico sempre tem alguém me perguntando como cozinhar a macaxeira, então hoje vou mostrar como faço. Eu sei que no Brasil inteiro se come macaxeira, mas como aqui no Nordeste acho que nenhum lugar se compara. Aqui comemos no café da manhã, no almoço e no jantar. Comemos doce, quando fazemos bolos, etc…, comemos cozida com manteiga, comemos frita, usamos como base em algumas receitas, ou seja o céu é o limite, hehehe.

Cozinhar macaxeira não tem segredo. É só colocar tudo no fogo com água e pronto. Mas, o problema é que o tempo pode variar muito. Você pode ter comprado uma macaxeira bem novinha que em 20 minutos vai estar pronta, ou pode ter uma raiz mais velha que vai demorar muito mais para ficar pronta. Mas, vamos começar pelo começo e ver como fiz:

Continue lendo Como cozinhar macaxeira (aipim ou mandioca)

Como Fazer Ovo Cozido

Forma muito fácil de se cozinhar um ovo.

 

Sábado passado quem fez o almoço foi meu marido. Fazia tempo que ele não ia para a cozinha (quase tive que fazer um mapa para ele, brincadeirinha amore). Ele até que cozinha bem. No início do nosso casamento dividíamos as tarefas na cozinha e muitas vezes quem cozinhava, era ele. Mas, fazia tempo que ele não dava o ar da graça na cozinha. Aí eu falei para ele fazer um ovo cozido para acompanhar a comida.

Então no sábado, enquanto eu faxinava a casa com as crianças, ele foi fazer o almoço. Há uma certa altura eu ouvi uma discussão na cozinha.

– Pai, quanto tempo este ovo está fervendo aí? (era nossa filha, a mais velha)

– Ah sei lá.

– Não está cozido não?

– Acho que não, vou deixar ferver até quebrar a casca.

Como assim “quebrar a casca”, isso lá é jeito de saber se o ovo cozido está no ponto?

Pensei, é uma coisa tão simples, tão básica, mas tem muita gente que não sabe. Por isso resolvi fazer este post. Confira aqui abaixo.

Modo de Fazer:

  • Coloque os ovos em uma panela e cubra com água e leve ao fogo baixo. Eu prefiro no fogo baixo, pois assim não se corre o risco deles racharem.
  • Assim que começar a ferver marque o tempo.
  • Para obter o ovo todo duro deixe ferver por 7 a 10 minutos
  • Já para o ovo com a gema mole ferva por 5 minutos
  • Para ovo quente (aquele bem mole) ferva por 3 minutos
  • Assim que estiver no ponto que você quer, escorra a água quente e passe pela água fria. Depois é só descascar.

Assista ao vídeo abaixo para ver mais detalhes e dicas:

Se você quiser mais dicas clique no link a seguir: Clique Aqui

Para mais receitas como essa, fique de olho nesse site para não perder nenhuma.

Como fazer marshmallow para bolos e tortas

Estes dias minha filha fez uma sobremesa para um jantar que ela foi na casa de alguns amigos e nós fizemos este marshmallow para fazer a cobertura. Eu gosto muito desta cobertura em opção ao chantilly ou ao glacê.

Minha mãe faz muito esta cobertura desde que eu era criança, isto é, ontem.

Veja como ela é feita:

Continue lendo Como fazer marshmallow para bolos e tortas

Como se faz leite de coco em casa

Esta dica é muito boa, mas não é sempre que dá para eu fazer aqui em casa. Muitas vezes escolho uma boa marca do leite de coco em garrafinha e uso. Mas quando tenho um tempo a mais e compro coco seco, daí prefiro fazer, pois o sabor é outro e as receitas ficam incríveis. Uma moqueca com este leite de coco feito em casa fica um escândalo.

Eu faço assim:

Como Fazer Leite de Coco Caseiro

Ingredientes:

  • 1 coco seco
  • 1 litro de água mineral morna (filtrada)

Modo de Preparo:

Fure o coco e retire a água.  Quebre o coco e coloque no forno quente por alguns minutos. Isto ajuda a polpa a se desprender com mais facilidade. Com a ajuda de uma faca retire a polpa da casca dura. Você já pode usar assim, mas eu prefiro o leite mais branquinho, então descasco o coco e corto em pedaços pequenos. Coloco no liquidificador junto com a água morna. Bato por uns 3 minutos. Depois eu passo por um coador ou peneira bem fina. Desta vez passei naquela peneirinha de chá (ela é super fina). Mas tem quem passe em um pano de algodão e depois esprema. Está pronto para uso.

Dicas:

  • Guarde o bagaço do coco ralado no freezer para utilizá-lo em outras receitas.
  • O leite de coco caseiro se conserva bem por apenas 48h na geladeira.
  • Se quiser fazer um leite mais grosso, diminua a quantidade de água.

Algumas maneiras de dobrar panquecas

Lembra que sábado fiz panquecas? Como eu prometi, aqui está o post com algumas maneiras de enrolar/dobrar os discos de panquecas.

A massa básica de panquecas é legal porque é neutra e dá para colocar recheio doce ou salgado. E variando a forma de dobrar, sempre parecerá uma novidade.

Eu uso os discos de panqueca da forma que eles são para fazer Lasanha de Panqueca e estas dobras que fiz aqui, são as que mais uso. E você, faz alguma dobra diferente? Então ensina aí nos comentários, vamos amar.

Esta é a forma  de dobrar panquecas mais comum, são os rolinhos. Normalmente usamos com recheio salgado. Com molho por cima e gratinado no forno. É muito simples, coloque o recheio de forma horizontal e vá enrolando como um rocambole. Sugestão de recheio: Carne moída, frango desfiado, etc…

Esta é uma outra versão dos rolinhos. Neste tipo o recheio pode ser mais cremoso, pois não vai derramar, já que as pontas são dobradas. O acabamento fica mais bonito. Sugestão de recheio: Palmito, frango cremoso com milho, creme de bacalhau, etc…

Esta dobra é muito usada para fazer Crepe Suzette, com calda de laranja e flambada. Mas dá para rechear com queijo e presunto ou mesmo com geleia ou mel.

Estes pacotinhos podem ter recheio tanto doce quanto salgado. Fica lindo para você rechear com um salpicão de frango ou de peito de peru e arrumar porções individuais.

Este fica ótimo para você colocar uma bola de sorvete na ponta e dobrar feito um cone, depois coloque uma calda quente por cima.

Estas trouxinhas eu já fiz aqui no blog, quando fiz as Panqueca de Espinafre. São muito lindas, né? Para fechar você vai precisar cortar uma cebolinha no meio, no sentido do comprimento e mergulhar em água fervendo, isto vai deixar a cebolinha maleável e fácil para amarrar.

 

Veja aqui uma Receita Básica de Massa Para Panqueca.

Como fazer Puba em casa

Lembra que eu falei AQUI que ia fazer a Puba em casa para tirar fotos e montar um passo a passo? Pois bem, a minha Puba ficou pronta, então vou explicar direitinho como fiz.

São muitas fotos, mas achei melhor colocar todas, pois assim você vê todo o processo. Ficou bem longo, então senta que lá vem história.

Passos

  1. Foto 1 – Descasque a macaxeira (aipim, mandioca), lave e coloque em um recipiente com água, até que ela fique toda coberta. Deixe em cima da pia. O processo vai durar cerca de 10 dias.
  2. Nas fotos 1, 2, 3 você vê o processo de fermentação do aipim com 5 dias, com 7 dias e com 8 dias respectivamente. No oitavo dia, escorra a água e com as mãos, desmanche todo o aipim que vai estar bem mole.
  3. Coloque um recipiente com o escorredor de macarrão, como na foto 5 e despeje o aipim desmanchado. Deixe o recipiente e o escorredor em baixo da torneira e vá lavando a massa até só sobrar as fibras no escorredor, como na foto 6.
  4. Toda a água que passou pelo escorredor vai estar no recipiente de baixo, foto 7.  Deixe este recipiente parado (eu deixei de um dia para o outro) e toda a massa vai se assentar no fundo.
  5. No dia seguinte coloque outro recipiente, com o escorredor dentro, só que desta vez você vai colocar um pano bem limpo dentro do escorredor, como na foto 8.
  6. Retire o excesso de água que está por cima da massa e depois despeje a massa sobre o pano, foto 9. Deixe escorrer bem.
  7. Faça uma “trouxa” com o pano (foto 10) e pendure (foto 11). Eu pendurei na área de serviço em cima do tanque, pois ela vai ficar pingando.
  8. Deixe escorrendo por um dia ou uma noite. Depois é só tirar e colocar em um recipiente e conservar na geladeira. Se tiver bem sequinha, vai durar cerca de 1 mês na geladeira.

Observação:

  • Este é um processo bem trabalhoso, mas para quem morre de vontade de comer um Bolo de Puba, mas onde mora não tem como comprar a Puba pronta, então vale a pena fazer para matar a vontade.
  • Se você deixar o recipiente com o aipim de molho na cozinha, sua cozinha vai ficar com cheiro de coisa “apodrecida”. O melhor é cobrir com um paninho e deixar na área de serviço, que aqui em casa é mais ventilada.
  • A receita do Bolo de Puba está aqui.

Como Torrar Gergelim

Segundona da preguiça. Estou passando aqui rapidinho só para dar uma dica. Você sabe como torrar gergelim em casa? Quando a gente compra gergelim, na maioria das vezes, ele vem cru (como na foto 1), assim ele não tem muito sabor. Mas quando você torra, hum fica irresistível. Eu gosto de usar ele torradinho na salada, no arroz e também para fazer uma farofa doce que eu comia quando era criança que é deliciosa, depois vou ensinar aqui.

Como todas as dicas que eu mostro aqui, esta  também é simplérrima, veja:

Continue lendo Como Torrar Gergelim

Esta tal de Puba

O que  é esta tal de Puba?

Depois que publiquei a receita do Bolo de Puba, tenho recebido muitas perguntas sobre o que é esta tal de Puba e também muitos pedidos para eu ensinar a fazer Puba em casa.

Puba é uma massa extraída da mandioca, parece a massa de fazer tapioca (goma), mas não é. É um outro produto. Ela é obtida através da fermentação natural de raízes de mandioca. Além da fermentação lática predominante, os microrganismos também causam o amolecimento das raízes, importante para a obtenção de um produto de boa qualidade. É como se fosse a mandioca apodrecida. O sabor dela pura, crua é meio azedo. Porém o bolo e outras receitas são surpreendentementes gostosas e doces.

Neste fim de semana vou comprar mandioca para fazer a Puba aqui em casa e fazer o passo a passo para publicar aqui. Só tenha um pouquinho de paciência, pois demora, já que só o processo de fermentação leva de 5 a 7 dias.

Mas quem viver verá.

Como se faz Banana Caramelada?

É muito simples. É mamão com açúcar, quer dizer é banana com açúcar… e um tico de água.

É verdade,  Banana Caramelada é muito fácil de ser feita. Alguns xiitas que aparecem por aqui de vez  em quando, deixando comentários desaforados (QUE EU NÃO PUBLICO), vão cair matando. É fácil mesmo e EU PUBLICO.

Sei que tem gente que sabe muito de cozinha e que vem aqui para se inspirar, como sei também que muita gente que adoraria aprender a cozinhar vem aqui. Você que sabe muito de cozinha, deixa sua contribuição aí nos comentários para enriquecer o post e você que está se aventurando agora pelo terreno das panelas: Senta que lá vem a estória.

Banana Caramelada

Ingredientes

1 1/2 xícara (de chá) de açúcar

1/2 xícara (de chá de água)

12 bananas pequenas

Modo de Preparo

Coloque o açúcar em uma panela e leve ao fogo. O açúcar vai começar a derreter. Deixe dourar. Não deixe o açúcar escurecer muito, pois amarga. Quando o açúcar estiver como na foto 3 acrescente a água com cuidado, pois ela pode espirrar. O açúcar vai endurecer. Espere a água ferver e dissolver o açúcar caramelado, daí coloque as bananas e deixe cozinhar. Estará pronto quando as bananas estiverem cozidas e a calda engrossar um pouco.

Dicas:

  • Eu usei banana prata, mas pode usar banana nanica também.
  • Use aquelas bananas que já estão bem maduras.
  • Dá para fazer com as bananas cortadas em rodelas ou no comprimento. Eu não cortei, fiz com as bananas inteiras mesmo.
  • Se você for mais abusada, quando as bananas já estiverem prontas, coloca um cálice de conhaque e flamba. Ui delícia.
  • Sirva quente com sorvete de creme ou uma colher de creme de leite gelado e sem soro.
  • Dá para guardar na geladeira em um recipiente bem fechado.
  • Dá 6 porções