Aprender a Cozinhar – Curso

Planeje, Organize e Faça. Cozinhar não é impossível,essa é a verdade. Eu te ensinarei um plano que tornará isso possível de uma vez por todas, sem investir muito tempo. Vem Aprender a cozinhar.

Direto ao ponto

aprender a cozinhar

Planeje, Organize e Faça. Cozinhar não é impossível,essa é a verdade.

Eu te ensinarei um plano que tornará isso possível de uma vez por todas, sem investir muito tempo.

Mas, antes de começar eu preciso deixar uma coisa bem fixada na sua mente!

Esse não é um curso em que você se tornará um cozinheiro profissional da noite para o dia.

E por que eu te digo isso? Porque eu sou cozinheira há mais de 30 anos. Poderia, muito bem, te ensinar como fazer um “Boeuf Bourguignon” ou até mesmo um “Coq au Vin”, e mandar você comprar ingredientes caríssimos, para fazer uma receita super sofisticada, ou que demoraria 7 horas para conquistar o resultado desejado, mas eu prefiro ir direto ao ponto.

COM ISSO ECONOMIZAMOS NOSSO TEMPO E DINHEIRO

Se você está nessa página é porque conhece um pouco da minha pessoa e do meu trabalho. Como eu sei disso? Porque só vem para este site, as pessoas que gostam e admiram o meu jeito de ensinar. Eu não perco o meu tempo para ensinar pessoas que não têm interesse no assunto.

Nos últimos anos, eu já dei aula para muitas pessoas, e com isso elas já fizeram muitas refeições em suas casas que nunca pensariam em fazer na vida.

“Mas, Patty, isso quer dizer que elas viraram profissionais?”  Não, elas saíram do ponto de não fazerem nada, para o ponto de fazerem sua própria refeição e a de sua família e, assim, essas pessoas estão evoluindo aos pouquinhos.

“E o que isso quer dizer Patty?”  Isso quer dizer que eu sei exatamente o que estou falando. Tudo que eu falo aqui já foi feito antes e testado dezenas de vezes. Nada de hipótese, ideia ou proposta.

“E o que isso quer dizer Patty?”  Isso quer dizer que eu sei exatamente o que estou falando. Tudo que eu falo aqui já foi feito antes e testado dezenas de vezes. Nada de hipótese, ideia ou proposta.

Algumas pessoas podem me perguntar:

Mas, Patty, o que as cozinheiras profissionais e donas de casa têm em comum?

Elas fazem um mise en place (organizam os ingredientes e utensílios, colocando-os no lugar certo e na quantidade certa), testam várias vezes as receitas, sabem se organizar, além de deixarem tudo limpinho quando terminam a preparação de alguma receita.

ELAS SABEM SE ORGANIZAR

Se você não quiser continuar a leitura, assista esse vídeo:

QUERO COMPRAR O CURSO

Algumas pessoas podem me perguntar:

Neste exato momento você pode estar se perguntando: “O que é que cozinhar tem a ver com a minha vida?”

TEM TUDO A VER. Já dizia Richard Wrangham que, para nós evoluirmos, até o que somos hoje (desde os homens primitivos até o ser humano completo), nós tivemos que matar o animal e cozinhá-lo, já que a alimentação é a base biológica da vida humana e animal. Se nós não tivéssemos cozinhado até os dias de hoje, não teríamos evoluído em questão de quantidade de neurônios em nosso cérebro.

 E lógico que para nos alimentar nós precisamos cozinhar. E para cozinhar nós temos que nos PLANEJAR e ORGANIZAR.

Já está na hora de começar a minha promessa né? Então aqui está ela: eu voute ensinar receitas básicas com processos simples que se encaixam facilmente na sua vida corrida.

 Com muita diferença das práticas dos cozinheiros profissionais: te ensinarei uma maneira bem simples e prontíssima para ser colocada em prática.

Mudando um pouquinho de assunto…

Você sabe qual é a primeira coisa que a gente aprende quando dedicamos um pequeno tempo na cozinha?


É a organização, o planejamento e fazer as receitas.
Mas, se eu não explicar os benefícios, você não verá utilidade alguma para isso.

Vamos direto ao ponto:

-> Você terá uma grande economia de dinheiro.
-> Você não dependerá de ninguém para poder se alimentar.
-> Você se tornará mais saudável, pois você irá determinar o que comer.
-> Você terá mais socialização com as pessoas que você ama.

PRESTE ATENÇÃO…

-> Tudo isso sem precisar investir muito dinheiro, muito tempo e muitas horas estudando.
-> Sem desperdício de comida.
-> Sem sufoco.
-> De maneira rápida e fácil.

Este é o instante em que você pensa: “Ah, Patty, mas isso não é para mim”  ou “Patty, eu não vejo diferença alguma entre fazer a comida em casa ou comprá-la”.


Mas eu te digo uma coisa muito importante: existem QUATRO DESCULPAS para você, simplesmente, não ligar para essa minha proposta e continuar procurando outro meio de aprender, ou mesmo nem se dar conta de que cozinhar é essencial para muitas coisas na vida.

ESSAS QUATRO DESCULPAS SÃO AQUELAS MESMAS QUE NÃO TE TIRAM DA INÉRCIA

São elas:

1. EU NÃO TENHO JEITO PARA COZINHAR.

Com certeza, alguma vez na vida você já pensou sobre isso.

Mas, se você não cozinhar, quem irá cozinhar na sua casa?  


Você pode pensar: “Mas eu não sei o que fazer para comer nas refeições”.

Então, isso é o que você enfrentará: “Mamãe, o que vai ter de jantar?”, seu filho menor que acabou de voltar do treino de futebol falando. Então, você irá dizer: “Ah, filho, a mamãe não fez nada hoje, mas tem biscoito para você comer”. O pai fala: “Filho, tem os restos do arroz de 4 dias atrás”. Então, todo mundo começará a dizer que não está mais com fome, ou mesmo, que irá dormir sem comer. Você acaba de perder um jantar que tinha tudo para ser alegre.
 

O que estamos ensinando para nossos filhos, ou até para nós mesmos, com essa conversinha mole?

Como podemos pedir que os filhos se saiam bem na VIDA, se nós não damos uma alimentação adequada a eles?

Como iremos nos comportar, sabendo que nossa família dormiu mais um dia sem jantar ou sem se alimentar com qualidade?

Mas o problema é: você não se contenta com as poucas coisas, e logo sem pensar, já diz que NÃO SE SENTE À VONTADE NA HORA DE COZINHAR. Isso tudo acontece pelo medo de alguém te julgar, de falarem algo que te desagrade.

2. EU NÃO TENHO TEMPO PARA COZINHAR PARA MIM OU PARA MINHA FAMÍLIA.

Esse pensamento modela a sua mente, para que você só pense em DESISTIR. “Ah, Patty, mas eu trabalho 8 horas por dia”. “Minha agenda já está cheia, não posso colocar mais um compromisso para fazer”. Mas, o problema é que você nem sabe quais são os benefícios que a cozinha irá trazer para você, e já diz que NÃO TEM TEMPO PARA COZINHAR.

Esse é o principal motivo que leva as pessoas a dizerem: “Tenho filho pequeno não conseguirei cozinhar”. Isso é só mais uma desculpa que as pessoas arranjam para justificarem os seus medos e erros.

Mas eu garanto que você pode mudar!

VOCÊ NÃO PRECISA RESERVAR MAIS DO QUE 40 MINUTOS DO SEU DIA.

Agora você vai arranjar mais uma desculpa, e dizer que não tem 40 minutos livres no seu dia? Quanto tempo você fica no Instagram acompanhando páginas de fofocas? Quanto tempo você fica tomando conta da vida do vizinho? Assistindo séries que não acrescenta nada? Você gasta esse tempo para fazer coisas FÚTEIS.

3. EU NÃO TENHO DINHEIRO PARA COMPRAR OS INGREDIENTES DAS RECEITAS.

Muitas pessoas falam que NÃO TÊM DINHEIRO PARA COZINHAR.

Vocês têm esse pensamento porque os programas e livros de culinária colocaram isso em suas cabeças, pois os mesmos utilizam ingredientes caros e difíceis de serem encontrados; preparações difíceis e, muitas vezes, que demoram horas para concluir; além das receitas serem todas bonitinhas e sem erro algum.

Quando você pega uma receita dessas, vai logo comprar os ingredientes. E, na hora de fazer o pagamento, em um piscar de olhos você já gastou 100 reais para uma única refeição.

É POR CAUSA DISSO QUE VOCÊ FALA QUE NÃO TEM DINHEIRO, POIS ESTÁ FAZENDO DO JEITO ERRADO.

Como que você gasta esse dinheiro sem saber se a receita é confiável?

-> Ou se é fácil?
-> Ou se essa receita foi testada várias vezes, e não teve erros ao fazê-la?

Em 80% dos casos essas receitas:

-> Demoram para serem feitas. Além de atrasar o seu dia a dia.
 

-> Custa um valor bem maior do que você pretende gastar.
 

-> Não ficará tão boa, já que você irá utilizar ingredientes que você não conhecia e que você nunca testou.
 

-> Você irá se atrapalhar e a receita dará errado.

Eu já vi essa história milhares de vezes na minha vida.

Mas deixa eu te contar uma coisa…

Quando eu comecei me aventurar na cozinha, eu não tinha dinheiro para fazer receitas muito elaboradas. Eu também pensava que precisava comprar muita comida para não faltar. Na primeira vez que eu fui ao supermercado com o meu marido, nós compramos muitas coisas com o MEDO de acabar e faltar comida em casa durante o mês. Então gastamos um bom dinheiro naquela compra.

Passados alguns dias utilizando aqueles alimentos, eu percebi que muitos deles estavam começando a estragar e tinha que jogar fora. Logo conclui que aquilo que fiz foi um ERRO, pois gastei dinheiro em coisas que foram para o lixo por causa do MEDO de faltar comida.

Daí me fiz as seguintes perguntas:

Como eu vou continuar aprendendo a cozinhar se estou desperdiçando muitos ingredientes e dinheiro?

Como que faço para não me prejudicar com isso?

 
A partir disso, hoje eu consigo concluir que o método que eu criei se ADAPTA à vida de qualquer pessoa. Seja com muito ou pouco dinheiro

ENTÃO, RESPONDENDO A SUA PERGUNTA: NÃO, VOCÊ NÃO PRECISA GASTAR MUITO DINHEIRO PARA COZINHAR.

A primeira coisa que você tem que fazer é responder essas perguntas:

1. Qual resultado você quer ter na cozinha?
2. Porque você quer conquistar isso?

ESSA PRIMEIRA PERGUNTA DEFINE O QUE VOCÊ IRÁ FAZER ATÉ ALCANÇAR O RESULTADO.

Quais serão as regras que você irá seguir? O que você está disposto e não está disposto a enfrentar para chegar ao resultado desejado.
 
É nessas perguntas que você decide se ficará acomodado (não ler, não praticar, não se aprofundar no assunto) ou se você “passará na beira do precipício para alcançar o resultado”.
 
Se você acha que para chegar no resultado é “mamão com açúcar”, eu não te quero aqui, feche essa página e vá embora.
 
VOCÊ NÃO VAI CHEGAR AO RESULTADO DESEJADO
 
A SEGUNDA PERGUNTA TE DIZ QUÃO “SANGUE NO OLHO” VOCÊ SERÁ PARA CONQUISTAR.

80% das pessoas que se arriscam nesse desafio farão porque querem INDEPENDÊNCIA e LIBERDADE. E querem ter mais SOCIALIZAÇÃO com a família e amigos.

VAMOS DIRETO AO PONTO

 A minha proposta, para você, é super simples: estou te oferecendo todo o conhecimento que tenho. Simples assim: eu vou te falar o que funciona e o que não funciona na prática.

Eu vou te ensinar:

-> Como montar sua cozinha.
 
-> Quais são os utensílios, eletroportáteis e eletrodomésticos apropriados.
 
-> Como montar o cardápio da semana.
 
-> Como fazer listas de compras.
 
-> Receitas completas para o dia a dia.

Eu te garanto: se esse não é o planejamento mais completo do Brasil, é um dos mais completos. Todo mundo que me conhece sabe do que eu estou falando.

REFLITA NISSO: Esse não é um cursinho que você vai comprar e nunca irá fazer ou praticar.

E COMO FUNCIONA ESSE CURSO?

O “Planeje, Organize e Faça” é o curso de cozinha básica mais completo do Brasil.

Ele é o único que te ensina o que você precisa realmente saber na hora de fazer as refeições do dia a dia. É um curso VITALÍCIO que você faz na hora que quiser e consulta quantas vezes achar necessário:
 
-> Planejamento: são dezenas de horas, divididas em teoria e prática, que te ensinam como fazer o planejamento: da sua receita, da sua cozinha, das suas refeições, das compras e muito mais. Eu ensino o que ninguém ensina nesse país.

-> Bônus: acabando de assistir todas as aulas, você terá diversos bônus (aulas complementares, arquivos PDF e e-Books) que complementam ainda mais o aprendizado.

São poucos dias com as vendas abertas, então aproveite a oportunidade

CLIQUE AQUI e veja o preço, as condições de pagamento e mais informações


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.