Categorias
Em Outras Cozinhas Receita Salgada Receitas Para Iniciantes Saladas

Salada Natalina em Forma de Guirlanda

A participante de hoje com sua Salada Natalina é Quiterinha Gomes Góis, uma querida amiga que eu gosto muito. Conheci Quiterinha há uns anos atrás quando fazíamos Pilates juntas, sempre trocamos muitas receitas boas, ela certamente, tem umas ótimas. No dia que fui na casa dela para aprender sua salada, por exemplo, ela me serviu um delicioso Suco Integral de Uva delicioso, já peguei a receita e depois vou fazer aqui no blog porque é muito boa e sai bem mais barato do que comprar no supermercado, fora que não tem nenhum aditivo.

Quiterinha cozinha desde criança, segundo ela, desde os doze anos começou a inventar pratos na cozinha. Ela sempre fez muita coisa na cozinha, mas hoje já não cozinha no dia a dia, só em ocasiões especiais. Ela gosta de receber em sua casa, seja apenas para um jantar ou para celebrar as datas especiais. Uma coisa que ela gosta muito é de decorar pratos, nunca uma simples salada, é apresentada como tal, ela faz flores de legumes, enfeita com frutas, ou seja sempre faz alguma decoração especial. Como ela faz bastante cursos nessa (e em outras) áreas, ela sempre tem novidades. Ela não para quieta, agora está fazendo faculdade de Serviço Social e tirou um tempinho para nos mostrar essa salada que ela faz nas festas de fim de ano, vamos ver?

Categorias
Aperitivos e Petiscos Em Outras Cozinhas Legumes e Vegetais Receita Salgada Receitas Para Iniciantes

Cebolas Roxas ao Vinho Tinto

 

Para começar o “Especial 2013 – Receitas para o Fim de Ano” fui na casa da Juliana Cabral Ventura para ela me ensinar a fazer essa receita de Cebolas Roxas ao Vinho Tinto que é uma receita, que de uns anos para cá, não pode deixar de ter nas festas de fim de ano da família dela, principalmente na ceia de Réveillon.

Juliana nasceu aqui em Garanhuns, mas ainda jovem foi morar em Recife para estudar e só está de volta à cidade, há dez anos. Ela voltou a morar aqui depois que casou com o Dr. Ricardo Ventura, que apesar de ser de Recife, veio morar e trabalhar aqui. Na verdade eu conheci primeiro o Dr. Ricardo, que é meu médico e das minhas crianças. Mas, há uns anos atrás, nossas filhas foram selecionadas para o programa de intercâmbio do Rotary e daí as famílias se aproximaram mais. É uma família que eu gosto muito.

Categorias
Arroz, Macarrão, Panqueca e Lasanha Dicas Culinárias Geral Receita Salgada Receitas Para Iniciantes

Receita de Massa Fresca Caseira

Eu gosto muito de fazer massa fresca em casa, além de ser muito saborosa é uma terapia. Parece loucura que eu resolva fazer massa caseira nesses dias tumultuados de fim de ano, mas passei uma tarde inteira com as crianças fazendo macarrão. Foi para desestressar messssmo. Fizemos biscoito num dia e macarrão no outro. Só lembrei de uma frase de minha avó que dizia “estou descansando, carregando pedra”.

Eu faço muito massa fresca, mas nunca tinha feito um post sobre isso, então resolvi fotografar e aqui  está, espero que vocês gostem. Não se assuste, é bem mais fácil do que muita gente pensa e fiz de duas formas, uma para quem tem cilindro e outra para quem não tem.

Vamos ver:

Categorias
Arroz, Macarrão, Panqueca e Lasanha Receita Salgada Receitas Para Iniciantes Saladas

Salada de Macarrão

Eu gosto muito de fazer Salada de Macarrão quando os dias estão mais quentes, porque é uma salada muito gostosa, fresca e que a gente pode fazer com antecedência e deixar na geladeira.

Não sei vocês, mas eu, nesses dias próximos ao fim de ano, já estou tão cansada, com tantos compromissos e com dias tão quentes que acabo ficando sem vontade de comer muitas coisas, daí muitos dias prefiro fazer uma saladona assim e comer como prato único. Nela tem o carboidrato, que é o macarrão, tem vitaminas e sais minerais com os legumes e verduras e tem também a proteina que normalmente coloco ou frango desfiado, ou atum (como essa), então é bem completa.

Outra coisa que gosto muito é de fazer essa salada quando vou para uma casa de praia, pois faço essa salada logo cedo, deixo na geladeira e quando chegamos da praia cansados e famintos, ela já está lá prontinha e deliciosa.

Nessa que fiz hoje, usei esse macarrão, que é um macarrão uruguaio com manjericão na massa (albahaca), mas já fiz essa mesma salada com vários tipos de macarrão, do  mais simples, ao integral e todos ficam bons.

Salada de Macarrão

Rendimento: 8

Ingredientes:
1 pacote de macarrão massa curta (500 g de penne, fusilli ou outra)
Sal a gosto
2 latas de atum (de 170 g cada)
1 caixa de creme de leite (de 200 g)
1 vidro de maionese (de 250 g)
1/2 limão
1 lata de milho verde em conserva
2 tomates
1 xícara (de chá) de azeitona picada sem caroço
1 pitada de pimenta do reino

Categorias
Receita Salgada Receitas Para Iniciantes Torta, Escondidinho, Polenta e Bobó

Creme de Milho Diferente

Esse é um dos acompanhamentos que mais faz sucesso aqui em casa, principalmente entre as crianças. Tenho um pitiquinho aqui, que se deixar só quer comer esse Creme de Milho.

Chamei ele de Creme de Milho Diferente porque o creme de milho que a gente está mais acostumada a ver e comer é aquele em que a gente bate o milho no liquidificador, nesse caso não batemos, usamos o milho em grãos.

Agora, se me perguntarem qual dos dois cremes eu gosto mais, sinceramente não saberei dizer. Sou suspeita né gente, quem me acompanha aqui sabe que eu sou chegada em tudo que é receita que leva milho. A verdadeira rainha do milho.

Há um tempo atrás eu fiz aqui no blog um Frango Desfiado com Creme de Milho, onde usei o creme de milho tradicional, clica aí em cima do nome da receita para você dar uma olhada. Não precisa fazer o prato todo, se preferir faça só a parte do creme de milho e use como acompanhamento para outra refeição.

Esse que vou fazer hoje, como já disse não preciso bater no liquidificador, veja como faço:

Categorias
Receitas Para Iniciantes

Temperaturas do forno a gás

Algumas semanas atrás recebi mais um email me pedindo para explicar o que seria o “forno médio” que falo em algumas receitas. Eu acabo esquecendo de especificar a temperatura, sorry. Tenho tentado corrigir isso, mas as vezes escapa. Se você notar que faltou eu explicar melhor alguma coisinha no post, pode falar nos comentários que eu corrijo, ok? As vezes demoro um pouco para responder os comentários, pois recebo muitos, principalmente nos posts mais antigos, mas eu leio e procuro responder todos.

Depois desse recente email sobre esse assunto resolvi fazer um post específico sobre isso, achei melhor.

Categorias
Frango Receita Salgada Receitas slides peq

Como Preparar e Temperar Frango Inteiro Para Assar

 

Essa dica de Como Preparar e Temperar Frango Inteiro Para Assar em casa é prática e facilita muito a nossa vida na cozinha. Ou seja, você perceberá que o frango fica bem temperado, é uma solução rápida e muito boa para quem está aprendendo a cozinhar.

Em primeiro lugar, quero registrar que resolvi dar essa dica porque já ouvi várias estórias de gente que coloca o frango para assar com o saco de miúdos dentro. Isso acontece. Muita gente não teve o privilégio de ter muitas oportunidades de estar na cozinha, acompanhada com alguém que tivesse a boa vontade de ensiná-las, acaba tentando fazer sozinha e algumas vezes, faz algumas coisas que não dão certo. Mas, pelo menos ela tentou, né?

Para mim, três coisas importantes para quem está aprendendo a cozinhar é calma, paciência e estar sempre tentando.

TAGS que uso nas minhas redes sociais

As duas TAGS que mais gosto aqui no blog são a de #dicas Dicas e a de Aprendendo a Cozinhar #aprendercozinhar. Acho que eu amo repartir o que sei e o que descobri para facilitar nossa vida na cozinha.

Por exemplo, cansei de ouvir gente dizendo que não consegue fazer as receitas que vê na Internet ou na maioria dos livros. Então, gosto de detalhar as coisas para que qualquer pessoa possa reproduzir a receita em casa.

Tenho uma alegria imensa quando alguém deixa um comentário dizendo que fez a receita como mostrei, e conseguiu fazer. Mais ainda quando é alguém que está aprendendo a cozinhar. Vocês não concordam que, com calma e sem se apavorar dá para, quem nunca fez nada na cozinha, preparar receitas ótimas?

Pois bem, hoje vou dividir com vocês o que sei sobre como preparar um frango inteiro para assar.

Como Preparar o Frango Antes de Temperar

  1. Se o frango estiver congelado, espere descongelar por completo.
  2. Retire o frango da embalagem.
  3. Retire um saco que vem dentro do frango, nele estão os miúdos, os pés e pescoço. Você pode guardá-los para fazer em outra ocasião, ou pode colocar para assar quando o frango já tiver quase pronto. Não coloque para assar junto, pois eles vão assar demais.
  4. Lave bem o frango com água.
  5. Esfregue limão em todo o frango, por dentro e por fora.
  6. Lave novamente o frango.
  7. Deixe escorrer.

Como Temperar um Frango Inteiro de Forma Prática

Dessa forma você tempera o frango de forma que o tempero penetra em todas as partes do frango e você não suja nenhuma tigela.

Isso mesmo, coloque o frango que você já lavou dentro de um saco. Depois disso, dentro do saco coloque também o tempero. Amarre o saco, massageie para o tempero se misturar e besuntar todo o frango e deixe na geladeira. Se você puder faça isso à noite e só de manhã coloque para assar. Se não tiver muito tempo deixe pelo menos uma hora e meia o frango no tempero.

Dica 1 – Use sempre saco limpo, de preferência novo.

Dica 2 – Depois disso, abra o saco em uma tigela, isso facilita na hora de colocar o frango e o tempero e não vai sujar todo o saco.

Dicas de Temperos Para Frango Assado

Separei aqui algumas sugestões que você pode usar para temperar o frango:

Tempero Caseiro – Foi esse que usei no frango da foto

Tempero caseiro (veja a receita aqui – 4 colheres (de sopa)
Colorau – 1 colher (de sopa)
Sal – 1 colher (de sopa)

Tempero com vinho branco

Vinho branco seco – 1 xícara (de chá)
Alho amassado – 1 colher (de sopa)
Cebola ralada – 1 un
Alecrim fresco picado – 1 ramo
Sal – 1 colher (de sopa)

Tempero com ervas

Suco de 1 limão
Ervas frescas picadas (alecrim, manjericão, salsa) – 1/2 xícara (de chá)
Sal – 1 colher (de sopa)
Pimenta-do-reino – 1 colher (de sobremesa)

Tempero com cerveja

Dentes de alho amassados – 4 un
Caldo de galinha dissolvida na cerveja – 2 tabletes
Cerveja – 1/2 lata (dá para usar a clara, mas também fica bom com a malzbier)
Sal – 1 colher (de sobremesa)

Tempero com laranja

Suco de laranja – 1 xícara (de chá)
Molho Shoyo – 2 colheres (de sopa)
Mel – 1 colher (de sopa)
Mostarda – 1 colher (de sopa)

Dica:

Escolha um dos temperos acima e misture  os ingredientes numa tigelinha e quando estiver bem misturado coloque dentro do saco sobre o frango.

Como assar frango inteiro

  1. Em primeiro lugar, passe um pouco de óleo em uma assadeira;
  2. Em segundo lugar, coloque o frango que você já retirou do saco com tempero nela;
  3. Depois disso, Cubra a assadeira com papel alumínio;
  4. Em seguida, leve ao forno médio por 40 minutos;
  5. Tire do forno e retire o papel alumínio. Cuidado para não se queimar com o vapor;
  6. Posteriormente, volte a assadeira para o forno;
  7. Aumente o forno e coloque no alto;
  8. Deixe mais uns 30 minutos ou até dourar.
Dica:

Para esclarecer, lembro que você pode assar o frango inteiro em pé no assa frango, eu prefiro assim, pois fica sequinho e não junta gordura:

Frango Assado em Pé no Assa Frango

Muito Importante:

Sempre que você  preparar frango, logo em seguida lave tudo o que usou e suas mãos também com bucha e sabão. Isto evita o risco de contaminação.

Ou seja, se você não sabe, o frango cru é uma das carnes que mais podem causar contaminação principalmente com a bactéria salmonela que é prejudicial à saúde e pode até matar. Então, lave tudo muito bem antes e ir fazer outra coisa.

Categorias
Feijão e outros grãos Receita Feita na Panela de Pressão Receita Salgada Receitas Para Iniciantes

Como fazer feijão

Desde que comecei a fazer receitas básicas aqui no blog, algumas pessoas me perguntam como cozinhar feijão. Para quem é iniciante na cozinha preparar feijão é um bicho-de-sete-cabeças. Mas, na verdade é uma coisa bem simples, basta você observar algumas coisinhas. Por isso resolvi escrever esse post para ajudar a quem nunca fez feijão em casa. Eu sei que dá para comer feijão quando se come em restaurantes, ou na casa da mãe, ou na casa da sogra, mas você mesma fazer seu feijãozinho é libertador. Hahaha. É sim gente. Quando você comer aquele feijão gostoso que você mesma fez, você vai confirmar isso. E se receber elogios em casa, mais ainda (alô maridos e filhos, elogiem please).

Categorias
Arroz, Macarrão, Panqueca e Lasanha Dicas Culinárias Dicas e Truques Receita Salgada Receitas Para Iniciantes

Como cozinhar macarrão

Esse post é daqueles básicos para quem não sabe cozinhar. Eu separei várias dicas de como cozinhar macarrão. Se você é iniciante na cozinha, pode fazer que dá certinho. Agora, se você já tem experiência, divide conosco suas dicas. Deixa nos comentários do post como você faz e suas dicas.

Vamos lá:

Como cozinhar macarrão

Você vai precisar de:

  • Panela grande
  • Colher grande
  • Escorredor de macarrão (se não estiver usando espagueteira)
  • Água
  • Sal
  • Macarrão (usei espaguete, mas pode ser qualquer outra)

Modo de Preparo:

  • Coloque a água na panela, use cerca de 1 litro de água para cada 100 g de macarrão, isto vai evitar que o macarrão grude, quanto mais água melhor. Deixe a água ferver.
  • Só adicione o sal quando a água ferver. Se você colocar o sal antes, vai demorar mais para ferver. Depois que a água ferver e você colocar o sal, coloque o macarrão.
  • Não quebre as massas longas, fica ruim para comer. Coloque o macarrão como na foto 2 (abaixo), bem espalhadas. Logo elas começam a baixar (foto 3) daí, com a colher, você mexe separando o macarrão, para eles não grudarem.
  • Leia a embalagem e veja a quantidade de tempo que o fabricante recomenda (normalmente é de 8 a 12 minutos).
  • Antes de chegar no tempo recomendado experimente e veja se já está “al dente” (veja abaixo o que é). Se já estiver macio, mas com alguma resistência, já está bom.
  • Retire do fogo, se estiver usando uma espagueteira (eu usei) é só escorrer ou então você pode despejar no escorredor de macarrão. Depois que toda a água foi escorrida, coloque o molho de sua preferência.

Dicas:

  • Não lave o macarrão depois de cozido, vai tirar o sabor. Só lave se for para esfriar para fazer uma salada de macarrão, por exemplo.
  • Use o macarrão logo que terminar de cozinhar, se você deixar ele lá esperando, ele vai esfriar e grudar todo. Se quiser deixar o macarrão cozido para usar depois, misture um pouco de manteiga ou azeite no macarrão. Ou também você pode colocar um pouquinho de molho e misturar bem.
  • Para esquentar o macarrão pronto que você guardou, você pode cobrir com papel alumínio e levar ao forno ou esquentar no micro-ondas (sem o papel alumínio). Pode também colocar a travessa no banho-maria para esquentar.
  • Não precisa colocar um fio de azeite na água do cozimento. Mas, se quiser colocar também não tem problema.
  • Se for usar macarrão na sopa, coloque quando a sopa já estiver quase pronta para ele não cozinhar demais e ficar se desmanchando

O que é macarrão “Al dente”?

É o melhor ponto de cozimento do macarrão. Quando o macarrão está “al dente” significa que ele não está mole demais. Que quando você morde ele está firme e consistente. Para ver se o macarrão que você está cozinhando já está “al dente”, você tem que tirar um e experimentar. Morda, se estiver macio, mas com certa resistência está bom.

Como Calcular a quantidade de macarrão por pessoa?

  • Se for salada de macarrão calcule de 40 a 50 g de massa crua por pessoa.
  • Se for prato único, calcule cerca de 250 g por pessoa de massa crua.
  • Se for acompanhamento calcule  de 80 a 100 g de massa crua por pessoa.

Obs: Se você não tiver balança ou medidor de massa use o olhômetro, pense sempre que a massa mais que duplica depois de cozida e que um pacote (normalmente com 500 g) tem 5 porções de 100 g.

Quais molhos usar no macarrão?

Para calcular a quantidade de molho para o macarrão: Use cerca de 250 ml de molho por pessoa.

  • Macarrões longos (como espaguete, talharim) – Use molhos mais líquidos, como ao sugo, alho e óleo, shoyu, etc…
  • Macarrões mais curtos (como penne, fusilli) – Use molhos mais cremosos, viscosos ou pedaçudos, com carne, queijo, vegetais.

 Formatos de Macarrão

Se você quiser ver os formatos mais comuns de macarrão eu fiz um post, é só clicar aqui:

Formatos mais comuns de macarrão

Você tem alguma dúvida? Você tem mais alguma dica?

Deixa abaixo nos comentários.

Categorias
Dicas Culinárias Dicas e Truques Geral Receitas Para Iniciantes

Formatos mais comuns de macarrão

No fim de semana passado resolvi montar uma ilustração com os formatos mais comuns de macarrão que usamos. Quem está começando na cozinha muitas vezes tem dúvidas sobre a massa que vai usar ou mesmo qual massa pedir no restaurante. Por exemplo, tem muita gente que acha que rondelli e canelone são a mesma coisa, ou pelo menos feito do mesmo jeito. Mas eles são diferentes. O rondelli é feito com uma massa recheada, enrolada como um rocambole e depois fatiada, enquanto que o canelone é um canudo, recheado e servido inteiro.

Separei as massas em:

  • Macarrão que usamos em sopas
  • Massa curta
  • Massa longa
  • Massas diferenciadas

Sair da versão mobile