Categorias
Bolos, Cupcakes e Tortas Geral Receita Doce Receitas Para Iniciantes

Bolo de Milho Verde em Lata Com Goiabada

Quem me acompanha aqui sabe que eu sou praticamente a Rainha do Milho de tanto que eu gosto de tudo que é feito com ele. Este bolo é super prático e delicioso. Hoje está tão friozinho por aqui que cai super bem este bolo com um chazinho. O bolo já está prontinho agora vou fazer um chá à tarde, pense no café da tarde gostoso que vou ter hoje, hahaha.

Bolo de Milho Verde em Lata Com Goiabada

Ingredientes

  • 1 lata de milho verde
  • 1 medida de açúcar
  • 1 medida de leite
  • 1 medida de milharina
  • 1/2 medida de óleo
  • 3 ovos
  • 1 colher (de sopa) de fermento para bolo
  • A medida usada foi a lata de milho verde.
  • 200 g de goiabada

Modo de Preparo

Coloque no liquidificador o milho (sem a água), o leite, açúcar, a milharina, o óleo e os ovos e bata bem. Depois coloque o fermento e bata ligeiramente. Despeje em uma forma untada e polvilhada, reserve. Corte a goiabada em cubinhos, passe por um pouquinho de farinha de trigo. Vá colocando os pedaços de goiabada dentro da massa. Leve para assar em forno médio, até que quando você espete um palito, este saia limpo.

Dica: Passar a goiabada em um pouco de farinha de trigo evita que ela vá toda para o fundo da forma.

Categorias
Biscoitos Geral Receita Doce

Biscoito de Coco Que Derrete na Boca

 

Este foi o outro biscoito que fiz para comer no carro indo para Porto de Galinhas para o Blogger PE. Vou te dizer, este é um biscoito super fino, delicado mesmo. Se você não quiser tão delicado assim faça com metade de manteiga e metade de margarina. Fiz só com manteiga e ele ficou beeem delicado até quebradiço mesmo, mas delicioso.
Este Biscoito de Coco cai muito bem em um chá da tarde ou quando você vai receber uma visitinha especial. Outra ideia é colocar em saquinhos de Papel Celofane e depois em uma caixinha bem fofa com uma etiquetinha, veja que ideia boa para lembrancinhas de maternidade, viu mamãezinhas.

Categorias
Comida Nordestina Doces Nordestinos Geral Receita Feita na Panela de Pressão Sobremesa

Lelê da Bahia. Lelê ou Muxá, você conhece?

Pois bem, Lelê e Muxá pelo que descobri estes dias são a mesma coisa: Uma sobremesa feita de quirera de milho. Quirera de milho, também conhecida como canjiquinha ou xerém é aquele milho amarelo todo quebradinho.
Lelê é como esta sobremesa é conhecida na Bahia e Muxá é como os capixabas a chamam lá no Espírito Santo.
No finalzinho de janeiro a Marly publicou no blog dela (aqui) a receita do Muxá. Fiquei surpresa, pois conhecia aquela sobremesa com o nome de Lelê. Dei uma googada e descobrir que os dois são a mesma coisa e mudam de nome dependendo do estado brasileiro.
Desde o dia que vi a receita da Marly fiquei com a maior vontade de fazer Lelê. Eu gosto demais desta sobremesa e aliás, não como só como sobremesa, eu como a qualquer hora e em qualquer momento. Afinal eu sou praticamente a rainha do milho, hahahaha. Quem me acompanha aqui sabe que gosto demais de milho e de tudo que é feito com ele.
Então, anteontem fiz o Lelê e me acabei de tanto comer, rsrsrs. Aquele “bolinho” bem úmido e com aquela consistência meio granulosa, mas muito macia, é uma perdição. Eu não tinha leite de coco integral (da fruta mesmo) aqui em casa, então usei leite de coco (de garrafinha), mas mesmo assim ficou ótiiiimo. quanto ao coco ralado, eu usei a fruta.
Antes de começar, quero dedicar este post à Marly (blog Saboreando a Vida) que me lembrou desta receita e também à Luisa, minha cunhada que adora estas comidinhas baianas. Gente, quando vou passar férias na casa de praia de Luisa, lá na Bahia (ai, ai, Bahia do meu coração), vocês acreditam que quando ela não faz estas delícias, ela levanta bem cedo e vai buscar estas delícias, inclusive Lelê, lá em Jacuípe, no restaurante de Chica para gente tomar café da manhã, antes de irmos nos esbaldar nas praias de Jacuípe, Arembepe, Guarajuba, etc… Isto que é cunhada, né não?
Agora vamos ao Lelê:

Categorias
Doces Caseiros Docinhos Geral Receita Doce Receita Feita com Leite Condensado Sobremesa

Cocada de Leite Condensado, minha primeira experiência!

Minhas duas avós gostavam muito de cozinha. Minha vó por parte de pai era uma banqueteira de primeiríssima e fazia bolos decorados que até davam pena de serem cortados. Já minha vó por parte de mãe morou sempre conosco e teve uma época que ela fazia todo tipo de cocada para vender. Que cocada boa, gente. O coco fresquíssimo, finamente ralado, misturado com açúcar cristal, depois de muito fogo virava uma deliciosa cocada sequinha e cremosa ao mesmo tempo, não sei se vocês me entendem. Eu adorava raspar a panela com as sobras da cocada ainda quente, doce sabor da infância.
Pois bem, esses dias me aventurei a fazer minha primeira cocada com leite condensado. Morria de medo do ponto. Mas pensei, se eu não conseguir que ela fique de cortar, o máximo que vai acontecer é comermos de colher, kkkk. Fui em frente.

Cocada de Leite Condensado

 

 

Ingredientes:
1 coco ralado ou 1 pacote de 100g de coco desidratado
1 lata de leite condensado
2 latas de açúcar

Modo de Preparo
Rale o coco na parte mais grossa do ralo. Junte em uma panela o coco, o açúcar e o leite condensado. Leve ao fogo baixo, mexendo sempre. Quando mudar de cor (fica meio amarelado) e soltar do fundo da panela, está no ponto.
Unte um recipiente com manteiga e despeje a massa da cocada. Ainda quente marque os quadradinhos com uma faca. Depois de frio, destaque os quadradinhos e guarde a cocada em vidros bem fechados. Dura muito, quer dizer, aqui em casa não dura nada, kkkk.

Dica:

  • Pode usar coco em pacote, mas não fica tão bom, of course.
  • Eu gosto de untar o fundo de uma assadeira, fica bem fácil na hora de retirar as cocadas.
  • Marque os quadradinhos com a cocada quente, se deixar esfriar não conseguirá.
Categorias
Comida Nordestina Geral Receita Salgada

Mini Cuscuz Nordestino

Eu não conheço nenhum nordestino que não gosta de um cuscuz de milho bem fresquinho, uns gostam mais outros menos, mas o bichinho é quase uma unanimidade. Só de pensar em um cuscuz quentinho com manteiga de garrafa ou de fazenda derretendo por cima, hum, já enche minha boca de água.
Cuscuz é bom no café da manhã, no almoço e no jantar. Por aqui o pessoal come com galinha cozida, ensopado de carne e até com feijão verde.
Eu prefiro o clássico com manteiga, com leite de coco fresco, com carne do sol frita com cebola, com leite e açúcar e recheado: com mussarela e bacon, queijo de coalho, queijo e goiabada, calabresa, etc…
Se você fizer um cuscuz grande e sobrar você pode reaproveitar fazendo um bolo, uma farofa ou uma saladinha tipo tabule substituindo o trigo pelo cuscuz amassadinho. Cuscuz combina muito bem doce ou salgado. Eu gosto dos dois.
A nossa cidade vizinha, Caruaru, faz na época da festa junina o maior cuscuz do mundo. A cuscuzeira, este ano, mediu 4 metros e foi feito um cuscuz de 600 kg. Haja gente para comer tanto cuscuz, kkk. Olha a little cuscuzeira aí gente:

Fonte da foto: Reprodução/Tv Asa Branca

Normalmente usamos uma bémmm menor logicamente, tipo esta:

E há alguns anos atrás eu ganhei um outro modelo de cuscuzeiro de um amigo do Maranhão (um salve para o Fabiano), eu amei, olha ela aí:

Uns chamam de mini cuscuzeira outros de cuscuzeira paulistinha. O bom é que ela faz um cuscuz individual, então sempre sai um cuscuz fresquinho. Eu deixo a massa pronta na geladeira e quando alguém quer é bem rapidinho.
Ontem, domingo, meu filho pediu um cuscuz com queijo e eu fiz para ele. Aproveitei para fotografar para mostrar para vocês.

Mini Cuscuz com Queijo Coalho

Ingredientes
1/2 xícara de flocos de milho
Água que baste
1 colher (de café) de sal
2 fatias generosa de queijo coalho

Modo de Fazer

Junte o sal aos flocos de milho e vá acrescentando água aos poucos, até ficar no ponto de uma farofa úmida.

Deixe descansar por 15 minutos (ele incha um pouco). Depois coloque metade da massa e as fatias de queijo na cuscuzeira.

Cubra com o restante da massa.

Tampe, coloque uns dois dedos de água na parte de baixo e leve para o fogo. Quando a água de baixo ferver, marque 2 minutos e aí é só desenformar.

Agora é só passar manteiga por cima e devorar.

Observação: Se você não colocar o queijo, esse é um ótimo alimento SEM GLÚTEN E SEM LACTOSE.

Obs. Tem várias marcas de flocos de milho, eu usei esta:

 

Mas você pode escolher:

Se você gostou da mini cuscuzeira eu coloquei uns links que achei na net de onde vende:
http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-116375831-cuscuzeira-em-aco-inoxidavel-_JM
http://www.nortlar.com.br/loja/product_info.php?products_id=231

http://www.ironte.com.br/site/produto.php?id=18&pgprod;=0

Fique esperto com o preço tem, desde R$ 19 e alguma coisa até 50 reais.