Arquivo da tag: receita de panqueca

Panqueca – Receita básica sem glúten – Especial Dia Internacional dos Celíacos

Semana passada quando publiquei a Receita de Tapioca, a Leila do Delishvillesemgluten.com me convocou para fazer uma receita sem glúten em comemoração ao Dia Internacional dos Celíacos, que está sendo comemorado hoje, dia 20 de maio de 2012. Claro que eu topei na hora, até já contribuir em outras ocasiões com receitas #glutenfree aqui no blog e gosto muito de fazer isso. É muito difícil ter privações alimentares, eu já passei algumas vezes por isso. Mas, imagine ter que comer alimentos livres do glúten, como os celíacos, onde a maioria das receitas de pães e massas são feitos com farinha de trigo? Então, dou a maior força aos blogs que pegam receitas, transformam, deixando-as sem glúten. E tem muita receita ótima sem glúten, desde pães, bolos e outros.

Eu resolvi contribuir com uma Massa Básica de Panqueca sem Glúten. É básica porque ela pode ser usada com recheios doces ou salgados, é muito fácil de fazer e fica ótima.

Massa Básica de Panqueca sem Glúten

Ingredientes

  • 1 ovo
  • 1/2 xícara (de chá) de leite
  • 1 colher (de chá) de fermento de bolo
  • 1 xícara (de chá) de amido de milho (maisena)
  • 1/2 colher (de chá) de sal (se o recheio for salgado substitua por 1 cubo de caldo de galinha sem glúten)

Modo de Preparo

Coloque os ingredientes no liquidificador e bata bem para misturar. Aqueça uma frigideira untada com óleo. Despeje uma concha de massa na frigideira aquecida e vá virando até o líquido forrar todo o fundo da frigideira. Aqui tem um segredo: Coloque pouco líquido e vá espalhando, quanto mais fininha ela fica, mais gostosa. Deixe secar a massa como na foto 3 e com a ajuda de uma espátula reta, vire e deixe dourar um pouco do outro lado também. Vá colocando uma sobre a outra em um prato. Logo que a panqueca sai do fogo ela fica meio quebradiça, deixe ela descansando um pouco e só depois recheie e dobre.

Dicas:

  • Dá umas 7 panquecas, se quiser mais é só dobrar a quantidade dos ingredientes.
  • Se for usar o caldo de galinha  fique atento para utilizar o caldo sem glúten.
  • Como eu disse, essa receita pode ser usada com recheios doces ou salgados: frango, carne seca, bacalhau, carne moída, palmito, queijo e presunto, etc… ou queijo com goiabada, ricota com passas, chocolate, banana caramelada, etc…
  • Dá para fazer outras receitas também com elas, como: Lasanha de panqueca, Crepe Suzette, etc…
  • Eu tenho um post mostrando como dobrar as panquecas de modos diferentes, dá uma olhada:

    Algumas maneiras de dobrar panquecas

    Outras opções de receitas sem glúten:

Panqueca de Cenoura para quem não gosta de cenoura

Eu gosto de variar o sabor das panquecas. Às vezes faço verde, com espinafre. Às vezes faço rosa, com beterraba e assim por diante.

Estes dias resolvi fazer de cenoura, amarelinha, pois meu filho do meio resolveu que agora não gosta mais de cenoura. Eu não costumo pressionar. Pela experiência que tenho com meus três filhos, vejo que eles sempre passam por fases assim, de não gostar de algum legume ou fruta. Eu simplesmente ofereço outras opções ou faço receitas, assim como essas,  camuflando.Tem dado certo, pois depois e um tempo vejo que eles voltam a comer normalmente. Descobri que o segredo é não fixar no assunto.

Sabe qual foi o resultado? Meu filho que vem dizendo que não gosta mais de cenoura, neste dia, comeu só panqueca, sem nenhum acompanhamento. Nada de arroz, nada de salada, só a panqueca recheada. Ah, e ele sabia que era de cenoura. Crianças, vai entender!

Veja como eu fiz:

Continue lendo Panqueca de Cenoura para quem não gosta de cenoura

Lasanha de Panqueca de Puba Com Carne Seca

Lembra da Panqueca de Puba que fiz há uns dias atrás? Fiz de novo, só que desta vez resolvi fazer uma lasanha usando as panquecas no lugar da massa de lasanha tradicional. Não podia ter ficado mais gostosa. Esta Panqueca de Puba foi um achado. Ela é levíssima e deliciosa e combinada com a carne seca e com a muçarela, vixe meu Deus, pura perdição.

Veja como eu fiz:

Continue lendo Lasanha de Panqueca de Puba Com Carne Seca

Blinis ou Panqueca de Puba

Quando eu fiz Puba, a Bruna, que tem o blog Gourmandisme deixou um comentário dizendo que a Puba estava na moda e que ela ouviu falar da Puba em alguns cursos que fez com o Alex Atala e com o Rodrigo Oliveira. Daí eu perguntei mais a respeito porque nunca imaginei que tinham outras receitas de Puba, que não fosse o bolo ou o mingau (agora até já descobri outras). Bem, então a Bruna me mandou este email:

Continue lendo Blinis ou Panqueca de Puba

Algumas maneiras de dobrar panquecas

Lembra que sábado fiz panquecas? Como eu prometi, aqui está o post com algumas maneiras de enrolar/dobrar os discos de panquecas.

A massa básica de panquecas é legal porque é neutra e dá para colocar recheio doce ou salgado. E variando a forma de dobrar, sempre parecerá uma novidade.

Eu uso os discos de panqueca da forma que eles são para fazer Lasanha de Panqueca e estas dobras que fiz aqui, são as que mais uso. E você, faz alguma dobra diferente? Então ensina aí nos comentários, vamos amar.

Esta é a forma  de dobrar panquecas mais comum, são os rolinhos. Normalmente usamos com recheio salgado. Com molho por cima e gratinado no forno. É muito simples, coloque o recheio de forma horizontal e vá enrolando como um rocambole. Sugestão de recheio: Carne moída, frango desfiado, etc…

Esta é uma outra versão dos rolinhos. Neste tipo o recheio pode ser mais cremoso, pois não vai derramar, já que as pontas são dobradas. O acabamento fica mais bonito. Sugestão de recheio: Palmito, frango cremoso com milho, creme de bacalhau, etc…

Esta dobra é muito usada para fazer Crepe Suzette, com calda de laranja e flambada. Mas dá para rechear com queijo e presunto ou mesmo com geleia ou mel.

Estes pacotinhos podem ter recheio tanto doce quanto salgado. Fica lindo para você rechear com um salpicão de frango ou de peito de peru e arrumar porções individuais.

Este fica ótimo para você colocar uma bola de sorvete na ponta e dobrar feito um cone, depois coloque uma calda quente por cima.

Estas trouxinhas eu já fiz aqui no blog, quando fiz as Panqueca de Espinafre. São muito lindas, né? Para fechar você vai precisar cortar uma cebolinha no meio, no sentido do comprimento e mergulhar em água fervendo, isto vai deixar a cebolinha maleável e fácil para amarrar.

 

Veja aqui uma Receita Básica de Massa Para Panqueca.

Massa Básica de Panqueca

Eu gosto muito de panqueca, de fazer e de comer. Não acho um bicho de sete cabeças fazer panquecas, até já falei aqui de outras vezes, acho até muito simples se você fizer como eu vou falar aqui.

Eu, muitas vezes, deixo um refratário com panqueca recheada somente para gratinar no dia seguinte e esta vai ser a nossa refeição. Normalmente faço isto de sábado para domingo. Deixo tudo preparado no sábado e no domingo, só coloco o refratário no forno. Foi o que fiz hoje.

Eu também deixo uma massa batida e pronta na geladeira e quando quero vou lá e faço uma panqueca. Normalmente faço no café da manhã para comer com mel ou geleia.

Veja como eu fiz:

Massa Básica de Panqueca

Clique na foto para ver maior

Ingredientes

1 copo de leite (copo de 250 ml)

1 copo de farinha de trigo (o mesmo copo só que não encha até em cima)

2 ovos

1 colher (de chá) de sal

Óleo para untar a frigideira

 

Material necessário

Liquidificador

Concha

Escumadeira de plástico ou de silicone

Frigideira com antiaderente

 

Modo de fazer a massa: Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata até ficar uma massa homogênea.

Modo de fazer os discos de panqueca: Unte a frigideira levemente com óleo e leve ao fogo para aquecer. Pegue a massa com uma concha e despeje na frigideira aquecida. Vá virando a frigideira até a massa cobrir todo o fundo. Não se preocupe se a primeira panqueca não der certo, isto é muito comum de acontecer. Depois que o fundo tiver todo coberto de massa, espere até a massa secar (como na foto 4). Com o auxílio da escumadeira vá soltando as beiradas da massa. Assim que der você enfia a escumadeira por baixo da panqueca e vira. Deixe mais um minutinho e está pronta. Retire com a escumadeira e vá colocando em um prato para usar depois.

Pode ir colocando uma em cima da outra. Não se preocupe, pois elas não grudam. Você pode usar logo em seguida os discos de panqueca ou pode cobrir com um filme plástico e levar para a geladeira.

Muito fácil, né?

Depois vou aproveitar estes discos de panqueca e fazer um outro post dando algumas ideias de como dobrar panquecas.

Panqueca com recheio de frango

Esta receita é mais uma ideia (ainda me esqueço que agora é sem acento) de reaproveitamento das sobras da refeição anterior, neste caso, a sobra do frango assado. Mas também pode ser a sobra da carne moída ou mesmo uma fatia de queijo e outra de presunto, todas estas e mais, muitas outras, vão dar ótimos recheios para a sua panqueca.

Conheço gente que tem medo de fazer panqueca. Acha que não vai conseguir virar, que vai virar uma gororoba e tals. Calma! Respira fundo e arrisca. Faz de conta que você fez panqueca a vida toda, que é uma craque das panquecas. Aí você já tem meio caminho andado, pois calma é o maior pré-requisito que você vai precisar para ser uma chef panquequeira.

Vamos lá então? Tenha em mente duas coisas

  1. Normalmente a primeira panqueca do dia sai uma droga. Quebra, gruda, um caos. Mas, se mantenha firme. Você vai conseguir;
  2. Se você não é acostumada a fazer panquecas, as primeiras que você fizer vão ficar mais grossas e meio disformes. Não se preocupe, continue. A prática vai levar à perfeição.

Dito isto, mãos a obra.

Panqueca com recheio de frango

 

Ingredientes

Massa

1 copo (tipo o de requeijão – 250 ml) de leite

1 copo (tipo o de requeijão – 250 ml) de farinha de trigo

2 ovos

1 pitada de sal

Recheio

Sobras de frango desfiado (usei o frango assado do domingo)

1 colher (de sopa) de tempero pronto

1 colher (de sopa) de óleo

1/2 xícara (de chá) de água

Sal a gosto

Cobertura

1 lata de molho de tomates

Queijo ralado para polvilhar

 

Modo de Preparo

Das panquecas: Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata. Unte com o auxílio de um pedaço de papel absorvente uma frigideira ou panquequeira e leve ao fogo. Assim que esquentar despeje uma concha pequena da massa que está no liquidificador e vá virando a frigideira até a massa cobrir todo o fundo. Assim que a massa “secar” na frigideira use uma escumadeira de plástico ou silicone para virá-la. É muito fácil, solte as bordas da panqueca e com calma vá enfiando a escumadeira por baixo da panqueca, quando chegar no meio é só erguer e virar. Deixe dourar uns minutinhos do outro lado e retire colocando em um prato. Faça isto até acabar a massa.

O recheio: Coloque o frango desfiado aos poucos no liquidificador e bata, para ficar bem picadinho (foto 7). Faça isto com o frango todo. Em uma panela, coloque o óleo e o tempero para fritar, depois adicione o frango, frite um pouco e junte a água e o sal e deixe cozinhar um pouco.

Montagem – Coloque duas colheres do frango em cada panqueca e enrole. Vá arrumando em um refratário com meia lata de molho de tomate por baixo. Arrume todas as panquecas e coloque o resto do molho de tomates por cima. Polvilhe o queijo ralado e leve ao forno só para dourar um pouquinho.

Dica:

  • Pode ir colocando uma panqueca em cima da outra enquanto estiver fazendo, não se preocupe, pois elas não grudam uma na outra.
  • Tempero pronto são os temperos que compramos na feira ou no supermercado. Eles vem em pasta ou em pó e tem várias ervas e temperos misturados. Eu faço o meu em casa. Bato tudo no liquidificador e guardo na geladeira.

 

Panqueca ou Trouxinha de Espinafre?

Estava com um maço de espinafre aqui em casa e pensando no que ia fazer. Não queria fazer bolinho, nem suflê. resolvi então fazer panqueca, mas também não queria fazer aquela panquequinha enrolada, comum. Sabe aqueles dias que você está afim de inventar, pois assim estou eu hoje. Resolvi fazer as panquecas, mas em forma de trouxinha.

Ficaram tão lindas. Dá mais trabalho? Dá, mas nada demais.

Achei que elas ficam lindas para fazer em um jantar mais caprichado e recheada de ricota, por exemplo. Dá até para fazer doce. Amei!

Eu já fiz um post sobre como fazer panquecas, então se você não tem muita prática, dá uma olhada neste post (A Rainha das Panquecas), ele vai te ajudar e tirar muitas dúvidas, mas se quiser perguntar mais alguma coisa é só escrever aí em baixo nos comentários.

Panqueca de Espinafre

Ingredientes

1 maço de espinafre

2 ovos

2 copos de leite (usei o copo de requeijão)

1  1/2 copo de farinha de trigo

Sal a gosto

Recheio da sua preferência

Cebolinha para amarrar

Molho de tomates (+ – 1 xícara)

Modo de Preparo

Cozinhe o espinafre em água e sal, depois de frio, esprema na mão para tirar toda água. Coloque no liquidificador os ovos, leite, sal,  farinha de trigo e o espinafre. Bata bem. Em uma frigideira ou panquequeira faça as panquecas com a massa do liquidificador.

Recheio – Eu usei carne moída refogadinha, mas pode usar frango, legumes, ricota, camarão, bacalhau, etc… Basta fazer um refogado bem saboroso.

Montagem – Pegue algumas cebolinhas e corte ao meio no sentido do comprimento. Deixe uma panela com água ferver, desligue e coloque as cebolinhas nela por 3 minutos, isto é necessário porque senão quando você for amarrar as trouxinhas, a cebolinha vai quebrar. Ficando na água quente as cebolinhas ficam um pouco elásticas o que facilita na hora de dar o nó.

Agora, coloque o recheio no centro da panqueca. Junte as bordas e amarre com a cebolinha. Coloque o molho de tomates em uma travessa, fazendo uma caminha e vá arrumando as trouxinhas. Se quiser pode arrumar nos pratos individualmente, também fica bem chique.

Clique nas fotos para ver maior

Dica:

  • Você pode variar a cor das panquecas:

– A mesma massa, mas sem espinafre, ficar na cor da panqueca normal

– Com meia beterraba cozida, você terá panqueca rosa

– Com uma cenoura ou um pedaço de abóbora cozida, você terá panqueca amarela

***************************************************************

A Maria Augusta que ganhou o sorteio do jantar no Dalí Cocina já entrou em contato e já está marcando o dia que vai aproveitá-lo.

E já, já, ainda agora a tarde, vou começar mais um sorteio. Espera aí.

A Rainha das Panquecas (Como Fazer Panqueca)

Aqui em casa todos nós gostamos de panqueca e eu desde adolescente nunca tive trauma algum para fazer panquecas, nunca perco a massa, viro com a maior facilidade, sou praticamente uma rainha das panquecas, já virei até jogando para cima (esqueci de dizer que também sou a rainha da modéstia, hahaha).

Pois bem, gosto de deixar uma massa pronta na geladeira (sabe casa de mineiro que tem sempre uma massa de pão de queijo na geladeira? Aqui é panqueca). Geralmente faço na sexta-feira para ter massa para o fim de semana.

Acho panqueca tão versátil e gostosa, veja só as possibilidades:

  • Dá para comer fria ou quente;
  • Pode ser salgada ou doce;
  • Dá para comer no café da manhã, no almoço, no jantar, no lanche, como petisco, como sobremesa;
  • A apresentação pode ser feita de várias formas: enroladinha, dobrada, como trouxinha, cortada e outras;
  • A massa pode ser colorida: verde (espinafre), amarela (cenoura), rosa (beterraba), marrom (chololate);
  • Pode-se variar a massa horrores: com leite desnatado, com água, com cerveja, com champanhe, com fermento, sem fermento, com açúcar, sem açúcar, integral ou normal, de aveia, de arroz, etc…

E você, como faz, como come e como dobra a panqueca?

Esta aqui é minha massa básica. Baseada nela você faz uma infinidade de modificações.

Massa Básica para Panqueca

Ingredientes

  • 1 ovo
  • 1copo de 250 ml de leite (copo tipo requeijão)
  • 1copo de 250 ml de farinha de trigo (copo tipo requeijão)
  • 1 pitada de sal

Obs. Na  foto vocês veem 2 ovos, pois neste dia fiz a receita em dobro.

Modo de Preparo:

Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata bem. Despeje em um recipiente e eu gosto de esperar um pouquinho (cerca de 15 minutos) para começar a fazer as panquecas.

Fazendo as Panquecas

  • Você vai precisar de uma panquequeira ou frigideira, uma concha, uma escumadeira e a massa (dhã, claro, né?).
  • Gosto de untar a frigideira com um guardanapo, pois é bem pouquinho óleo (questão de gotinhas). Outra coisa, eu só unto no início, depois não unto mais.
  • Agora aqueça a frigideira e despeje uma concha de massa, vá virando a frigideira até a massa se espalhar e ficar bem fina. Mantenha o fogo baixo, pois a massa é fina e assim você não corre o risco de queimar.
  • Quando você vê que a massa “secou”, chegou a hora de virar. Com a ajuda da escumadeira vá soltando as bordas da panqueca, depois é só enfiar a escumadeira por baixo e virar.
  • Nada de ir logo querendo virar jogando a panqueca para cima, isto é coisa para profissionais como eu (brincadeirinha, gente), pois você corre o risco de sua panqueca se estatelar no chão. Mas treina que você chega lá.

Dicas:

  • Esta quantidade de massa dá de 6 a 8 panquecas variando conforme o tamanho.
  • Se quiser guardar a massa, eu já guardei por até 4 dias e ela ficou perfeita. Coloque em um recipiente bem fechado e conserve na geladeira.
  • Se quiser guardar as panquecas já feitas também dá. Faça normalmente, cubra com papel filme e leve à geladeira e quando quiser comer é só esquentar no microondas com mel ou requeijão cremoso ou fazer a receita de sua preferência. Já deixei na geladeira 3 dias e elas se consevaram super bem.
  • Pode usar o Molho de Queijo para rechear e/ou cobrir. A receita está aqui.