Arquivo da tag: Receita de Peixe e Frutos do Mar

Bacalhau ao Forno, faça essa receita e não se arrependa!

Esta receita de Bacalhau ao Forno é uma sugestão para você fazer em um jantar especial, Dia dos Pais, Dia das Mães, festas de final de ano ou na Páscoa. Esta é uma receita fácil de fazer, bonita e, sobretudo, deliciosa.

Para esta receita já preparamos o bacalhau dessalgado e desfiado. Caso você não encontre para comprar o bacalhau já dessalgado e desfiado (em lascas), assista primeiramente à dica: Como Dessalgar Bacalhau.

Este é um tipo de receita que, antes do dia da festa, você já pode deixar adiantada com uma antecedência de dois dias. Você monta o bacalhau com os ingredientes em uma travessa “forno e mesa”, passa um papel filme e guarda na geladeira. Horas antes do jantar, você tira o refratário da geladeira, deixa ficar em temperatura ambiente,  faz a cobertura na hora, põe para assar e: pronto! Você, em poucos minutos, sem se estressar, tem este maravilhoso Bacalhau ao Forno para servir no seu jantar.

Mas lembre-se: o ideal é que o bacalhau com a cobertura saia do forno e vá direto para a mesa, pois fica mais saboroso e mais bonito.

Bacalhau ao Forno

Rendimento: 6 pessoas

Ingredientes:

1) Para cozinhar a batata

Batata inglesa picada – 1 1/2 xícara
Sal – 1 colher (de chá)

2) Preparo do bacalhau

Bacalhau (dessalgado e desfiado) – 500g
Azeite de Oliva – 4 colheres (de sopa)
Alho – 3 dentes
Cebola grade (bem picada) – 1 unidade
Tomate (bem picado) – 1 unidade
Azeitona picada (verde ou preta) – 3 colheres (de sopa)
Cheiro verde (picado) – 3 colheres (de sopa)
Leite de coco – 100ml

2) Cobertura

Ovos – 4 unidades (separadas as claras e as gemas)
Pitada de sal

Utensílios:

1 Travessa que vá ao forno e à mesa


Assista ao vídeo abaixo para ver mais detalhes e dicas:

Modo de Preparo

  • Primeiramente, vamos cozinhar as batatas picadas. Cozinhe a batata com água e sal até ela ficar “al dente”.
  • Enquanto a batata fica cozinhando, vamos preparar o bacalhau. Para tanto, caso você não encontre para comprar o bacalhau já dessalgado e desfiado (em lascas), assista primeiramente à dica: Como Dessalgar Bacalhau.
  • Em uma panela coloque o azeite de oliva e frite o alho. Depois acrescente a cebola e refogue até ela murchar, deixando um pouco transparente. Em seguida, acrescente o tomate e refogue mais um pouco.
  • Acrescente o bacalhau já dessalgado e  desfiado. Refogue um pouco o bacalhau para que pegue o sabor dos temperos. Não é necessário cozinhar, pois este processo já deve ter sido feito antes.
  • Por fim, agregue as azeitonas, as batatas cozidas, o cheiro verde e o leite de coco. Acerte o sal e refogue todos os ingredientes.
  • Arrume o bacalhau temperado na travessa.
  • Agora, então, vamos para a segunda parte, que é a cobertura.
  • Bata a clara em neve: acrescente as claras em uma batedeira e bata. Depois acrescente as gemas aos poucos. Depois que acrescentar as gemas, adicione uma pitada de sal.
  • Coloque ovo batido como cobertura do bacalhau na travessa.
  • Leve a travessa ao forno pré-aquecido – na temperatura média (200oC) – por cerca de 15 minutos, tempo necessário para a cobertura dourar.
  • Retire do forno e sirva quente.

Posteriormente, se você quiser ver mais posts como esse, acesse o meu canal do YouTube Clicando Aqui.

Essa é a receita de paella mais fácil que você vai ver na sua vida

Vou mostrar para você que preparar uma Paella pode ser bem simples, até mesmo para quem nunca fez uma receita com frutos do mar. Isso porque, nesta receita utilizaremos o Kit Paella, que você pode comprar no supermercado. O Kit Paella já vem com diversos frutos do mar e um tempero completo. Mas, nesta receita, acrescentei alguns ingredientes para dar uma incrementada. O resultado é maravilhoso!

Uma dica que dou no vídeo é que para cada 400g de frutos do mar, utilize ½ xícara de arroz. Caso queira uma porção maior, é só multiplicar estes dois ingredientes.

A Paella é uma receita típica de Valência, na Espanha. Seu principal ingrediente é o arroz, que pode ser combinado com vários ingredientes, que vão desde legumes até carnes e especiarias, como o açafrão, que é um tempero essencial para o seu sabor. Um bom azeite também não pode ser deixado de lado para que o prato tenha um gosto marcante.

Para preparar essa refeição é preciso utilizar a paellera ou uma panela larga, que tem o fundo raso. Esse é um utensílio muito importante para um bom resultado, pois com ele o calor fica concentrado e todos os alimentos são cozidos de maneira uniforme.

Esta nossa receita de paella será feita com frutos do mar, mas também pode ser feita com peixes, carnes ou legumes. O importante é escolher o que mais te agrada e seguir o passo a passo com cuidado para que o resultado seja de sucesso.

Como Fazer Paella (com Kit Paella)

Rendimento: 2 pessoas

Ingredientes:

Kit Para Paella (congelado) – Pacote 400g
Azeite de Oliva – 2 colheres de sopa
Cebola (picada ou ralada) – 2 colheres de sopa
Alho – 2 dentes
Ervilhas frescas congeladas – 100 g
Arroz branco ou parboilizado (1/2 xícara)
Água para cobrir os ingredientes na panela
Cheiro verde – 2 colheres (de sopa)

Opcional:

Pimentão vermelho (picado) – 2 colheres de sopa
Pimentão amarelo (picado) – 2 colheres de sopa
Açafrão da terra (cúrcuma) – 1/2 colher (de chá)
Camarões pré cozidos (congelados)

Utensílio:

Uma paellera ou uma panela larga, que tem o fundo raso.

Assista ao vídeo abaixo para ver mais detalhes e dicas:

Modo de Preparo

  • Antes de começar a fazer a receita, descongele o Kit Paella seguindo as instruções contidas na embalagem do produto.
  • Em primeiro lugar, na panela  coloque o azeite e deixe esquentar um pouco.
  • Em seguida, refogue a cebola com o alho.
  • Assim que você sentir o cheirinho de tempero frito, acrescente o Kit Paella e dê uma misturada para temperar os frutos do mar.
  • Em seguida, acrescente as ervilhas frescas.
  • Depois adicione o arroz cru. A proporção é: para cada 400g de frutos do mar, utilize ½ xícara de arroz. Misture os ingredientes para temperar os frutos do mar.
  • Agora acrescente água quente suficiente para cobrir os ingredientes na panela.
  • Acrescente o tempero que veio do Kit. Também os ingredientes sugeridos: açafrão da terra (cúrcuma).  E, ainda os ingredientes opcionais, caso seja de sua preferência (exceto os camarões).
  • Não é necessário acrescentar sal, pois o Kit já contém sal. Porém, prove e veja se está do seu gosto.
  • Por fim, feche a panela com a tampa e deixe a água borbulhar. Em seguida, abaixe o fogo para o mínimo. Deixe cozinhar por cerca de 15 minutos.
  • Em seguida, acrescente o cheiro verde e os camarões (opcional) e deixe cozinhar mais uns 5 minutos.
  • Sirva quente.


Sugestão:
Aqui no blog tenho um post com a receita de Paella do ator espanhol Antonio Banderas, feita com frango em pedaços e filé mignon em cubos. CLIQUE AQUI.

Posteriormente, se você quiser assistir mais posts como esse, acesse o meu Canal do YouTube Clicando Aqui.

Salada de Polvo – Facílima

Essa Salada de Polvo é tão deliciosa e tão fácil de fazer que você vai se surpreender. Pense em uma salada dessas para abrir uma refeição, muito top, né? Qualquer refeição vai para outro nível, fica mais sofisticada.

Meu marido comprou esses tentáculos de polvo em uma peixaria aqui da cidade e pagou um preço bem bom. Cada um tinha um pouco mais de 100 gramas e custou 3 reais, bom né? As vezes a gente tem uma impressão errada, acha que como é um ingrediente muito usado em restaurantes mais finos, que é caro e difícil de fazer. Mas, é ilusão.

Veja que maravilha essa receita que fiz. Ela é fácil, muito gostosa e você pode fazer com certa antecedência para ela pegar mais o sabor. Sem contar que você vai fazer super bonito ao servir uma salada dessas.

Salada de Polvo – Facílima

Tempo Total: 10 minutes
Rendimento: 4 porções

Ingredientes
  • 400 g de tentáculos de polvo
  • 1/2 cebola cortada
  • 1 folha de louro
  • 1 colher (de chá) de pimenta do reino em grãos
  • 1/2 xícara (de chá) de água
  • 1/2 cebola roxa média cortada em fatias finas
  • 250 g de tomate grape (ou cereja pequeno)
  • Coentro picado (usei 3 colheres de sopa)
  • Suco de 1/2 limão (umas 3 colheres de sopa)
  • 1 pitada de pimenta do reino moída na hora
  • 3 colheres (de sopa) de azeite de oliva extra virgem
  • Sal a gosto (usei 1 colher de chá rasa)

Modo de Preparo

  1. Assista ao vídeo para ver como fazer:

Dicas:

  • Cozinhe o polvo como falo abaixo e depois deixe esfriar para fazer a salada.
  • Depois pique tudo e misture com os temperos e deixe descansar por alguns minutos para pegar mais o gosto.
  • Conserve na geladeira em recipiente tampado.
  • Sirva geladinha, fica mais gostosa.
  • Eu gosto de servir essa salada como entrada, mas quando é só aqui para casa faço ela para o jantar como prato único.

Como cozinhar polvo:

É muito simples, basta colocar na panela de pressão com alguns temperos (usei cebola, folha de louro e pimenta do reino), um tiquinho de água e levar ao fogo. Assim que a panela começar a chiar, conte uns 8 a 10 minutos por kg de polvo. Depois deixe sair a pressão e pronto o polvo já está cozido e pronto para ser usado.

Iscas de Peixe Empanadas

Nesses dias mais quentes, fico pensando em aperitivos para comer no fim de semana e essas Iscas de Peixe Empanadas são deliciosas e são ótimas para comer na beira da piscina ou praia acompanhada de uma bebida bem geladinha (com vinho branco geladinho, é muiiito bom).

Sem falar que  essa é uma boa opção para as crianças comerem peixe.

Eu gosto muito de servir essas iscas com um molho cremoso, principalmente de for feito com maionese, fica muito bom. Veja algumas sugestões que coloquei no fim do post.

Iscas de Peixe Empanadas

Classificação: 5
Rendimento: 6 porções

Ingredientes
    • 800 g de filé de peixe branco (merluza, pescada, etc…)
    • 3 colheres (de sopa) de suco de limão
    • 3 dentes de alho amassados
    • 1 colher (de sobremesa) de sal
    • Pimenta do reino moída
Para empanar
  • 1 xícara de farinha de rosca temperada com sal
  • 1 xícara de farinha de trigo
  • 1 ovo batido com 3 colheres de sopa de água e temperada com sal
  • Óleo para fritar

Modo de Preparo

  1. Assista ao vídeo:

Dicas:

  • Use o filé de peixe de sua preferência. Eu usei merluza, mas pode ser pescada, tilápia, Saint Peter, etc…)
  • Gosto de colocar um pouco de água no ovo  para ficar mais fluido e empanar melhor.

Receitas de MolhoRosé

4 colheres (de sopa) de maionese
2 colheres (de sopa) de catchup
1 colher (de sopa) de mostarda
8 gotas de molho inglês
Misture tudo muito bem

Molho Tártaro

1 xícara de (chá) de maionese
1 colher de cebola ralada
½ colher (sopa) de alcaparras
1 colher (sopa) de picles
1 colher (chá) de suco de limão
Misture tudo.

Molho Agridoce

½ xícara (chá) de vinagre (melhor ainda se for de arroz)
1/2 xícara (chá) de água
3 colheres (sopa) de açúcar
½ xícara (chá) de ketchup
1 colher (sopa) de maisena (rasa)

Coloque tudo em uma panela, misture bem e leve ao fogo, mexendo até engrossar. Desligue o fogo e espere o molho esfriar para usar.

Molho de Mostarda e Mel

Misture tudo com um garfo, emulsionando.

Mariscada – Essa é muito fácil de fazer

Essa é uma mariscada bem fácil de fazer, não tem complicação nenhuma e em alguns instantes fica pronta. Nela você pode variar os mariscos à vontade, use o que tiver e que mais gostar. Eu usei ostra, sururu (mexilhão) e também usei siri e camarão, mas você pode variar bastante e até colocar outros tipos.

É uma receita que me deixa com água na boca só de ver fotos, amo num grau. Quentinha e com uma pimentinha, não tem coisa melhor.

Essa eu fiz com uns mariscos que minha mãe me trouxe do Recôncavo Baiano quando veio passar uns dias aqui em casa. Ela trouxe muita coisa gente, coisa de mãe mesmo, kkkk. Veio só ela e o marido, mas o carro veio carregado de coisas. Não só frutos do mar, mas muitas outras coisas que não encontro com facilidade aqui.

Já fiz duas mariscadas dessas com as coisas que ela trouxe e ainda tenho muita coisa no freezer, praticamente tô abastecida por uns 6 meses, hehehe.

Essa mariscada que faço, é como minha mãe faz. É bem descomplicada como já falei, muito fácil mesmo e bem rápida para ficar pronta, veja:

Mariscada – Essa é muito fácil de fazer

Tempo Total: 20 minutos
Rendimento: 4 a 5 porções

Ingredientes
  • 1 colher (se sopa) de azeite de oliva
  • 2 cebolas picadas
  • 2 tomates picados
  • 1 xícara de coentro picado
  • 250 g de ostra (só a carne)
  • 250 g de sururu (mexilhão) – sem as conchas
  • 250 g de siri catado (só a carne)
  • 200 g de camarão
  • 4 siris inteiros e aferventados (opcional)
  • 1 vidro pequeno de leite de coco (200 ml)
  • 1 colher (de sobremesa) de sal (ou a gosto)
  • Pimenta do reino moída na hora (uma pitadinha)
  • 1/2 xícara de azeite de dendê
  • 1/2 xícara de água

Modo de Preparo

  1. Assista ao vídeo para ver como fazer.

Dicas:

  • Eu usei ostra, sururu (mexilhão), siri e camarão, mas você pode usar os mariscos que você gosta e pode colocar mais variedade também.
  • Antes de colocar os mariscos na panela lave bem com água e limão para tirar alguma eventual sujeira.
  • Esse prato você pode preparar de véspera e no dia que for comer, é só esquentar.
  • Os siris inteiros são opcionais, eu coloquei porque eu tinha aqui e fica mais bonito, mas se você não encontrar coloque só a carne do siri.
  • Os siris inteiros eu aferventei por uns minutinhos antes de colocar na panela porque usei eles só para finalizar.
  • Para aferventar os siris, faça assim: Coloque água para ferver, quando a água estiver borbulhando coloque os siris dentro, conte 3 minutos e retire, pronto. Eles vão terminar de cozinhar no molho da mariscada.

Peixe Assado Inteiro com Limão e Ervas

Resolvi fazer esse Peixe Assado Inteiro  com Limão e Ervas para quem tem receio de assar um peixe inteiro. Gente, não tem segredo, você vai ver. Eu sei que tem gente que gosta muito de peixe e que não quer fazer ele frito, eu mesma, só muito raramente faço peixe frito por isso estou mostrando essa opção.

O mais difícil dessa receita é limpar o peixe, mas se você pedir, na hora de comprar, o peixeiro limpa para você.

Então vamos ver como fiz? Essa receita é muito simples, mas eu acho muito saborosa.

Peixe Assado Inteiro com Limão e Ervas

Tempo de Preparo: 5 minutos
Tempo de Cozimento: 25 minutos
Tempo Total: 30 minutos
Rendimento: 4 porções

Ingredientes
  • 1 peixe inteiro de mais ou meno 1 kg (Tainha, Corvina , Pescada, Pargo ou outro)
  • 1 limão
  • 3 colheres (de sopa) de ervas variadas (usei coentro, salsa, cebolinha e alecrim)
  • 3 colheres (de sopa) de azeite de oliva
  • 1 colher (de chá) de sal
  • 1 cebola

Modo de Preparo

  1. Limpe o peixe todo por dentro e tirando todas as escamas (ou na hora de comprar peça ao peixeiro para limpar).
  2. Lave o peixe e seque com papel toalha.
  3. Numa tigelinha coloque o suco do limão, as ervas, o azeite e o sal e misture bem.
  4. Passe essa mistura pelo peixe inteiro, por dentro e por fora e deixe descansar uns 30 minutos.
  5. Unte uma assadeira com óleo e coloque a cebola cortada em rodelas.
  6. Coloque o peixe sobre as rodelas de cebola (isso evita que o peixe grude na assadeira).
  7. Leve ao forno médio (uns 180 graus ou um pouco mais).
  8. Deixe assar até ficar levemente dourado (não deixe muito para não ressecar. O meu ficou 25 minutos, mas isso vai depender do tamanho do peixe do seu forno.
  9. Sirva quentinho com rodelas de limão e polvilhado com ervas fresquinhas.

Dicas

  • Eu usei essas ervas, mas você pode variar com as de sua preferência.
  • Você pode deixar esse peixe temperado na geladeira e no dia seguinte você só coloca no forno.

Camarão na Moranga (prático e delicioso)

Cheguei da praia, mas ainda vou mostrar esse Camarão na Moranga e uma Mousse de Limão super fácil que fiz lá. Aliás, sempre faço quando viajo para alguma casa de praia, são receitas bem práticas, como a do Camarão Alho e Óleo, que mostrei no post anterior. Gosto de fazer receitinhas assim fáceis e aproveitando receitas que usam frutos do mar, que temos a facilidade de encontrar fresquinhos e com preço bom, quando estamos na praia.

Gente, esses dias que tirei de folga, foram ótimos, depois vou fazer um post contando a vocês um pouquinho sobre essa região, o Norte de Alagoas. É a segunda vez que alugamos um chalé nessa praia e pretendo voltar muitasss vezes, lá é o paraíso, não é à toa que é conhecido como Caribe brasileiro.

Lá, onde fico, tem várias peixarias próximas e muitas vezes vem pescador vender na nossa porta, frutos do mar fresquinhos. Num dia comprei camarão para fazer como petisco, ao alho e óleo e em outro dia comprei para fazer esse Camarão na Moranga.

Tem gente que faz essa receita de várias formas, cozinha a abóbora na água, abre a abóbora, limpa e só depois assa, eu prefiro fazer assim, assando inteira e limpando depois. Assim é bem mais prático e fácil porque a abóbora crua é dura e difícil de cortar e retirar o miolo.

Veja como faço:

Camarão na Moranga (prático e delicioso)

Rendimento: 8 porções

Ingredientes

  • 1 abóbora moranga
  • 500 g de camarão (fresco ou congelado)
  • 2 colheres (de sopa) de azeite de oliva
  • ½ cebola ralada
  • 2 dentes de alho amassados
  • 2 tomates bem picadinhos
  • Pimenta do reino (moída na hora) a gosto
  • Sal a gosto
  • 1 caixinha de creme de leite de 200 g
  • 1 copo de requeijão cremoso de 200 g
  • 3 fatias de muçarela

Modo de Preparo

Preparando a abóbora
    1. Lave a abóbora moranga e enrole em papel alumínio.
    2. Leve ao forno médio até ela ficar cozida. A minha ficou cerca de 40 minutos. Espete um garfo para ver se ela está macia.
    3. Depois retire do forno, tire o papel alumínio e corte a “tampa” dela com uma faquinha.
    4. Com uma colher, retire todas as sementes e os fiapos e jogue fora.
    5. Polvilhe sal em toda a cavidade da abóbora e reserve.
Preparando o creme de camarão
    1. A primeira coisa é limpar os camarões (claro se é que você não comprou limpo como eu), tire a cabeça, as cascas, as perninhas e abra nas costas dele com uma faca para tirar o intestino.
    2. Reserve uns camarões inteiros para a decoração.
    3. Em uma panela coloque o azeite, o alho amassado e a cebola ralada e deixe fritar um pouco.
    4. Acrescente os tomates picadinhos e frite mais.
    5. Tempere com sal e pimenta do reino.
    6. Junte os camarões limpos e misture, assim que eles mudarem de cor, já está bom (uns dois minutinhos).
    7. Acrescente o creme de leite, misture e desligue o fogo. Reserve.
Montagem do Camarão na Moranga
  1. Espalhe metade do requeijão cremoso pelo interior da abóbora, lambuzando bem.
  2. Despeje o creme de camarão dentro da abóbora.
  3. Espalhe o restante do requeijão cremoso por cima.
  4. Cubra com as fatias de muçarela.
  5. Leve ao forno alto para gratinar (ou só para derreter o queijo).
  6. Passe os camarões inteiros (reservados para a decoração) em uma frigideira com azeite, tempere com sal e pimenta do reino.
  7. Quando o queijo da abóbora derreter, tire do forno, decore com os camarões inteiros e com a tampa da abóbora e sirva quente.

Dicas

  • O ideal é fazer com camarão fresco que fica muito mais gostoso, mas se não encontrar, dá para usar o congelado.
  • Se tiver a possibilidade, compre o camarão limpo, mesmo que custe um pouco mais caro. Limpar camarão dá um certo trabalho e exige um tiquinho de paciência.

Preparando a Moranga

 Preparando o Creme de Camarão

 Finalizando o Camarão na Moranga

Como fazer Camarão Alho e Óleo

Petisco típico de barraca de praia ou  de qualquer restaurante do litoral, esse Camarão Alho e Óleo com certeza é um dos mais pedidos. Mas, que tal fazer ele em casa.

Eu aproveitei esses dias que estou na praia, aqui no litoral Norte de Alagoas, comprei uns camarões bem frescos, que tinham acabado de chegar do mar para fazer e mostrar para você que queira fazer também. Tudo bem, que não é tão fácil encontrar camarão assim fresquíssimo para comprar, mas se der muita vontade de fazer pode comprar no supermercado que também dá certo.

Esse aqui, eu acho que paguei super baratinho, paguei 23 dilmas no kilo e até comprei mais para fazer outra receita que depois eu mostro aqui. Se você vier aqui para a região, reserva um dinheirinho para comprar peixe e frutos do mar, tem muita peixaria e também pessoas que passam vendendo nas casas e todos que eu vi com preço bem honesto.

Quanto a esse petisco, não podia ser mais simples, veja:

CAMARÃO ALHO E ÓLEO

Rendimento: 6 a 8 porções

Ingredientes

  • 1 Kg de camarão
  • 2 colheres (de sopa) de azeite de oliva
  • 4 dentes de alho
  • 1 colher (de chá) de sal (rasa ou a seu gosto)
  • 1 colher (de sopa) de suco de limão
  • Rodelas de limão para servir

Modo de Preparo

  • Retire as cabeças e as perninhas dos camarões e lave muito bem (ou compre já limpo)
  • Nessa receita nós deixamos as cascas e o rabo.
  • Coloque os camarões limpos em uma tigela, coloque o sal, o limão, 2 dentes de alho amassados e 2 dentes de alho fatiados.
  • Deixe no tempero por uns 30 minutos ou mais.
  • Depois coloque o azeite de oliva em uma frigideira, deixe aquecer e vá fritando aos poucos os camarões (na medida do possível retire os alhos para fritar depois).
  • Não coloque todos os camarões de uma vez para fritar, porque ele junta água, coloque só o suficiente para cobrir o fundo da frigideira.
  • Deixe apenas até o camarão ficar rosa (cerca de 1 a 2 minutos), depois vire os camarões e deixe ficar rosa do outro lado também. Retire e faça isso com todos os camarões.
  • Por último coloque os alhos para fritar e espalhe por cima dos camarões fritos.

Sirva os camarões fritos com rodelas de limão

    Dicas

    • Não coloque muito azeite, essa quantidade é suficiente, pois o camarão frita muito rápido. Se colocar mais azeite vai ficar muito oleoso.
    • Se preferir compre os camarões já limpos.
    • Se comprar os camarões limpos e sem cascas, quando você fritar eles vão “enrolar”, vão ficar umas bolinhas.

    Sardinha Assada no Forno

    Essa é uma deliciosa sardinha feita no forno que não dá trabalho nenhum e fica ótima. Sou meio arisca com peixe que tem muita espinha, não gosto. Aliás, aqui em casa ninguém gosta. É difícil para as crianças comerem. Por isso gosto de fazer Sardinha na Panela de Pressão onde ela fica parecendo sardinha em lata e não dá trabalho para comer. Mas outro dia resolvi fazer ela no forno e não é que ficou muito boa. Ela fica bem molinha, fácil de tirar as espinhas e comer. Se as sardinhas forem bem pequenas, as espinhas meio que cozinham e ficam como a sardinha em lata também, aquela em conserva.

    O melhor de tudo, de você fazer ela assim, no forno é a praticidade. E se quiser ter menos trabalho ainda, forre a forma com papel alumínio e depois do peixe pronto retire o papel jogue fora e lave a forma facilmente.

    Veja aqui que receita fácil:

    Continue lendo Sardinha Assada no Forno

    Espaguete ao Vôngole

    Espaguete com frutos do mar é uma delícia e esse com vôngole e um toque de limão, é perfeito. Além disso, você sabia que o Espaguete ao Vôngole é um prato tradicionalmente italiano? Eu descobri isso em uma viagem que fiz para a Itália nos anos 90, onde eu comi pela primeira vez. Comi em Veneza. Vai vendo a chiqueza.

    No que eu comi lá, não tinha limão, mas achei que assim ficou perfeito. Certamente, o limão “quebra” um pouco o sabor forte do vôngole. Já fiz sem o limão também, então se quiser sem limão é só não colocar, capite?

    Esse fiz junto com minha filha e morremos de amores por ele, tanto que até já fizemos outras vezes aproveitando a oferta de frutos do mar que um supermercado daqui fez.

    Sem mais blá, blá, blá, vamos a receita:

    Continue lendo Espaguete ao Vôngole