Arquivo da tag: Receita Salgada

Feijão Fradinho com Dendê e Camarão Seco

Eu como boa baiana sou chegada em comida típica da Bahia, esse Feijão Fradinho com Dendê e Camarão Seco é uma delícia e quando como, parece que estou na minha Bahia. Feijão fradinho, arroz de coco, moqueca e farofa de dendê, prato completamente baiano, #amo.

Mesmo para quem nunca fez comida baiana, fazer esse feijão é muito fácil e os ingrediente são fáceis de encontrar. O mais complicado de encontrar é o camarão seco, então quando for para a Bahia, leva na mala um pacotinho #muambeira.

Veja como faço ele:

Continue lendo Feijão Fradinho com Dendê e Camarão Seco

Antepasto de Tomate Desidratado

 

Meu marido me trouxe alguns tomates desidratados de uma viagem que ele fez, daí resolvi fazer esse Antepasto de Tomate Desidratado. Eu nunca tinha visto esses tomates secos, mas não é aquele tomate seco que a gente ouve falar e que compramos nos supermercados. Aquele é temperado e conservado em óleo. Esse desidratado é puro. Ele não é temperado, ele é desidratado, fica seco mesmo como uva passa, maçã desidratada, etc… Se você encontrar para comprar, compra e experimenta. Ele dura muiiiito.

Eu testei e gostei. Como eu gosto sempre de ter uma coisinha pronta na geladeira, sempre que dá, faço algum antepasto, então, aproveitei esses tomates desidratados e fiz esse antepasto, que dá para comer com torradas, dá para usar como tomate seco (aquele) em pizzas, saladas, wraps, etc… Ou seja, é bem versátil.

Veja como fiz:

Continue lendo Antepasto de Tomate Desidratado

Quiche de Alho Poró

Essa Quiche de Alho Poró é uma sugestão muito boa para servir em festas, como salgadinho (se fizer bem pequeninho), pode servir como entrada em um jantar, como eu fiz (servi com uma salada) ou pode fazer maior e servir em fatias. O fato é que ela é perfeita para festas e também para o dia a dia. Então, anota aí que as festas de fim de ano estão chegando.

Ou se não quiser esperar as festas para fazer, faz hoje. Quinta-feira é um bom dia para comer quiche.

Eu fiz, para aproveitar que eu, nas últimas semanas, tenho encontrado alho poró na feira daqui, o que não é muito comum. Aliás, nem no supermercado eu encontrava alho poró. Veja a receita:

Quiche de Alho Poró

Tempo de Preparo: 30 minutos
Tempo de Cozimento: 20 minutos
Tempo Total: 50 minutos
Rendimento: 8 quiches
Tamanho da Porção: Tamanho de uma empada

Ingredientes

Massa
    • 2 xícaras (de chá) de farinha de trigo
    • 3 colheres (de sopa) de manteiga gelada
    • 1 colher (de sopa) de gordura vegetal gelada
    • 1 pitada de sal
Recheio
    • 1 colher (de sopa) de manteiga
    • 2 alhos porós
    • Sal
    • Pimenta do reino
Cobertura
  • 2 ovos
  • 200 g de creme de leite (uma caixinha)
  • 1 pitada de sal
  • Queijo ralado para polvilhar

Modo de Preparo

Massa
    1. Coloque todos os ingredientes em uma tigela e amasse até obter uma massa. Não sove a massa, é só misturar. Se você sovar muito, corre o risco dela escorrer na forma quando assar. Embrulhe em papel filme ou alumínio e deixe na geladeira por pelo menos 30 minutos.
Recheio
    1. Corte o alho poró em fatias e refogue na manteiga até murchar. Tempere com sal e pimenta do reino. Use depois de frio.
    2. Cobertura
    3. Com um garfo ou um fouet misture o ovo e o creme de leite. Tempere com sal.
Montagem
  1. Pegue pequenas porções de massa e vá abrindo com os dedos, até forrar toda a forminha (não precisa untar a forma), foto 07. Coloque uma colherada do recheio, despeje a cobertura por cima, polvilhe queijo ralado e leve ao forno médio (180 graus) e preaquecido por uns 20 minutos ou até dourar.

Dicas

  • Você pode fazer essa quiche em tamanho maior, essa quantidade dá uma quiche média. Essa forminha que usei é aquela de pão de mel. Dá ara fazer com a de empada, a de cupcake, etc… Essa massa dá para fazer vários tipos de tortas.
  • Se você não tiver a gordura vegetal, substitua por manteiga.
  • Eu usei 3 alhos porós porque os meus estavam bem pequenos.
  • Você pode fazer a massa com antecedência e deixar na geladeira por uns cinco dias. Bem embalada e em um recipiente fechado.
  • Dá para fazer com antecedência as quiches assadas e congelar, ela dura cerca de um mês no freezer (não no congelador).

Congelando as Quiches

Depois de frias, coloque as quiches em um prato e leve ao freezer em aberto. Quando elas estiverem congeladas, embale em papel alumínio, coloque em um recipiente fechado, cole uma etiqueta com o nome da quiche (ex: Quiche de alho poró) e a data de validade. Depois volte para o freezer.

Como descongelar

Retire do freezer no dia anterior e deixe na geladeira. Na hora que for comer esquente um pouquinho no forno.

Se quiser pode tirar do freezer e colocar direto no forno, mas deixe o forno bem baixo, senão ela vai ficar fria por dentro.

Feijoada com feijão carioca

Nesse friozinho comer uma feijoada sempre cai bem e dessa vez fiz essa Feijoada com Feijão Carioca, tudo bem que a feijoada tradicional é feita com feijão preto, mas quem não tem cão, caça com gato. Eu que não vou deixar de fazer só porque não tenho feijão preto.

Meu marido comprou um kit de feijoada, crente que tinha visto um pacote de feijão preto na despensa, quando fui ver, só tinha mesmo feijão carioca. Resolvi fazer assim mesmo, ainda mais porque minha filha estava vindo. Ah não falei para vocês né? Mas minha filha passou no vestibular e está morando em outra cidade. E quem é mãe, sabe que a gente faz tudo para os filhotes. Como minha filha é chegada em uma feijoada resolvi fazer, assim mesmo, sem o feijão original.

Continue lendo Feijoada com feijão carioca

Pão sem Glúten e Sem Leite. Porque comer sem glúten?

Oi pessoal,
Vocês devem ter ouvido falar sobre dieta sem glúten né? Vamos entender um pouquinho mais sobre isso?
O glúten é uma fração protéica encontrada nos alimentos que tem trigo, centeio, cevada e aveia. Ou seja, está presente em biscoitos, pães, massas, cerveja, entre outros.  Por  ser uma proteína de difícil digestibilidade, estimula reações no sistema imune, desencadeando vários sintomas no organismo. E já esta bem documentado na literatura sua ação inflamatória, caracterizando essa intolerância.
Existe ainda a Doença Celíaca onde ocorre uma atrofia da mucosa do intestino delgado, causando má absorção, devido a fatores genéticos e ambientais.
Com a retirada do glúten da alimentação  são observadas  melhoras na digestão, absorção dos nutrientes, disposição, sintomas de TPM, acelera metabolismo, está associado com a melhora de doenças inflamatórias intestinais, doença de chron, Lúpus, entre outras.
A restrição ao glúten  deve ser acompanhada de um profissional capacitado, de preferência, nutricionista clinico funcional e/ou ortomolecular. No meu Instagram sempre dou muitas dicas (me segue @marianapcjones).
Mas, que tal reduzir um pouco esse fator inflamatório da sua alimentação?
Segue uma super receita de pão sem glúten e sem leite:

Continue lendo Pão sem Glúten e Sem Leite. Porque comer sem glúten?

Patê Light de Frango

Esse Patê Light de Frango é uma delícia, fácil de fazer e você pode aproveitar sobras de frango das refeições. Gente eu ando light, kkk. Sério! Apesar de fazer muitas coisas gostosas aqui no blog, eu tenho reservado os fins de semana para essas delícias. Durante a semana mantenho a linha, comendo saudável e no fim de semana como umas coisinhas mais calóricas. Para mim, a chave é o equilíbrio. Eu tenho comido de tudo, mas em pequenas porções e procuro fazer opções inteligentes, se vou comer uma coisa mais calórica, que seja de-li-ci-o-sa. Nada de comer besteira só por comer. Vocês já notaram que tem muitas receitas saudáveis aqui, né? Tanto doce, quanto salgada, então vamos aproveitar. Quem quiser chegar bem no verão 2014, a hora é agora meu povo, vamos comer inteligentemente e chegar ótima no verão. Mas, mais do que isso, vamos estar bem para a vida.

Esse patê é uma ótima opção e também é um curinga, dá para comer com torrada light, com tapioca, com palitos de cenoura ou pepino e também dá para fazer sanduíche natural.

Veja como faço:

Continue lendo Patê Light de Frango

Pernil Assado com Abacaxi

No fim da semana passada preparei aqui em casa esse Pernil Assado com Abacaxi, ele é muito fácil de fazer. Eu sei que tem gente, principalmente quem não tem muito traquejo na cozinha, que tem receio de fazer uma carne assada. Mas, com essa receita qualquer pessoa pode fazer. Que tal preparar essa receita para o próximo almoço em família? Você vai surpreender a todos, eu garanto.

Eu fiz com pernil desossado e servi com o molho que coloquei ontem aqui no blog, o Molho de Abacaxi para Assados (tipo chinês) e combinou perfeitamente. O agridoce do molho deu um toque super especial para a carne. Minha dica é sempre servir a carne acompanhada com um molho (esse ou outro), fica muito bom.

Agora vamos à receita, veja como é simples:

Continue lendo Pernil Assado com Abacaxi

Gratinado de Chuchu com Presunto

Esse Gratinado de Chuchu com Presunto é especial. Até quem não é muito fã do chuchu vai gostar. Ele também é muito prático para ser feito e você pode fazer no dia anterior e deixar na geladeira, depois é só tirar da geladeira e colocar para gratinar.

Você pode também, ao invés de fazer em um refratário grande, fazer em porções individuais, use ramequins ou cocottes, fica mais sofisticado e vai fazer bonito em um jantar mais especial.

Vamos a receita:

Continue lendo Gratinado de Chuchu com Presunto

Costelinha de Porco Assada Com Maçã

Essa receita de Costelinha de Porco Assada com Maçã é super simples de fazer. Ela é uma ótima sugestão para fazer para o fim de semana. Eu fiz e vou dizer, foi aprovada aqui em casa, aliás, não deu para quem quis. Se quiser fazer essa costelinha e servir acompanhada de alguma Farofa, tem algumas opções aqui no blog. Aqui em casa servi com uma salada verde bem rica e arrozinho para rebater.

Costelinha de Porco Assada Com Maçã

Rendimento: 4 porções

Ingredientes

  • 1 costelinha de porco de mais ou menos 1 kg
  • Suco de 1 limão
  • 4 dentes de alho amassados
  • Sal a gosto
  • 1 cebola
  • 2 maçãs

Modo de Preparo

  1. Coloque a costelinha em um recipiente e tempere com o limão, o sal e o alho amassado. Tampe e deixe na geladeira de um dia para o outro. No dia seguinte coloque em uma assadeira untada com um pouco de óleo (não precisa ser assadeira de vidro). Cubra com papel alumínio e leve ao forno médio preaquecido (uns 180 graus). Deixe assando por 30 minutos. Retire o papel alumínio, acrescente a cebola cortada em pedaços grandes e a maçã cortada em rodelas. Aumente o forno para 200 graus e deixe dourar. Eu deixei mais uns 15 minutos, virando a costelinha e as maçãs na metade do tempo.

Dicas

Pode substituir a maçã por batata, mas se eu fosse você experimentaria com maçã, fica perfeito.

Observação:

1 kg de costelinha vai dar só para 4 porções porque ela é muito cheia de osso.

Salada Cidade das Flores, por Guga Pessoas

Hoje à tarde estive em uma das oficinas que estão acontecendo  no Bistrô Escola do SENAC, no Parque Ruber VanDer Linden (Pau-Pombo). Hoje tivemos uma aula com Guga Santos. A receita que ele fez foi essa Salada Cidade das Flores, com salmão e flores comestíveis.

Continue lendo Salada Cidade das Flores, por Guga Pessoas