Arquivo da tag: receita doce

Sorvete de Abacate, uma delícia!

Nessas últimas semanas eu estava com muita vontade de comer um sorvete e, já que eu sou uma amante de abacate e tinha uns abacates dando sopa aqui em casa, resolvi fazer essa receita para testar, mas adivinha, eu amei e resolvi compartilhar com vocês essa receita.

Logo aqui abaixo está a receita e um vídeo simplificado mostrando a você como fazer:

Sorvete de Abacate

Ingredientes:

2 xícaras de abacate maduro (mais ou menos 400g)

1 lata de leite condensado (395g)

1 caixinha de creme de leite (200g)

Modo de Preparo:

  1. Descasque e corte o abacate;
  2. Acrescente todos os ingredientes no liquidificador e bata até virar um creme;
  3. Leve ao freezer (deixe por 4 horas ou até endurecer);

Dicas:

  1. Tire o sorvete de abacate 15 minutos antes de servir, para que não fique muito duro e difícil de tirar.
  2. Veja aqui mais receitas de sorvete Clicando Aqui

Obs: essa receita foi feita lá no meu Instagram @pattymartinsaquinacozinha, Clique Aqui para me seguir.

Vídeo com o passo a passo simplificado:

Posteriormente, se quiser ver mais posts como esse, acesse o meu canal do YouTube Clicando Aqui.

Doce de Leite de Forno

A forma de fazer este Doce de Leite no forno é muito prática e o resultado é delicioso.

Hoje vou ensinar a você a fazer uma sobremesa com 1 (um) ingrediente apenas, super fácil de fazer e rápido: Doce de Leite de Forno. Quem me segue no Instagram viu eu ensinando, mas, aqui, está a receita com detalhes e dicas.

Para fazer esta receita, você vai precisar de uma travessa ou forma, que possa ir ao forno e servir na mesa. Isso porque, não desenformamos este Doce de Leite.

Não existe uma quantidade certa de leite condensado para esta receita. A quantidade vai depender da capacidade da sua travessa. Para esta receita, conforme mostro no vídeo, utilizo duas latas de leite condensado.

Técnica de Cozimento Banho-Maria

Note que vamos cozinhar o leite condensado, para se transformar em doce de leite, usando a Técnica de Cozimento Banho-Maria. Esta técnica é conhecida no mundo todo pela expressão francesa bain-marie, o banho-maria é uma técnica de cozimento à base de calor indireto. Ela é utilizada para preparar alimentos que não podem ferver e que exigem um cozimento lento e uniforme, sem o alto aquecimento que acontece com o contato direto com o fogo.

Você pode servir o doce de leite morninho na travessa, como sobremesa para um almoço ou jantar. Também pode colocar na geladeira, após revestir a travessa com filme de PVC ou papel alumínio. Fica MA-RA-VI-LHO-SO servir este doce de leite com queijo minas frescal.

Doce de Leite de Forno

Ingredientes:

2 latas (395g) de leite condensado

Tempo: 1 hora de forno médio

Utensílios:

Travessa de vidro ou cerâmica (que vá do forno para a mesa)
Assadeira Tamanho 4
Papel alumínio

Assista ao vídeo abaixo para ver mais detalhes e dicas:

Modo de Preparo

  • Em primeiro lugar, preaqueça o forno em médio e aqueça 1 litro de água;
  • Em seguida, despeje as duas latas de leite condensado na travessa (forno e mesa);
  • A dica é não encher muito a travessa. Portanto, deixe um espaço livre de 1 e 1/2 centímetros para quando for ao forno não derramar;
  • Cubra a travessa com papel alumínio de forma que as bordas fiquem bem fechadas, para não derramar o leite condensado quando estiver no forno. Tenha o cuidado para que o papel alumínio não encoste no leite condensado;
  • Coloque a travessa dentro de uma forma maior. Preencha com água fervendo até o nível da metade da travessa;
  • Leve ao forno médio por 1 hora para cozimento em banho-maria. Após os primeiros 30 minutos, observe se a água não secou. Se estiver com pouca água, complete com água fervente.
  • Decorrido 1 hora de cozimento por banho-maria, pode tirar a travessa do forno e deixar esfriar. Retire o papel alumínio e sirva.
  • Observação: Caso queira o Doce de Leite com uma consistência mais dura, deixe no forno por mais 30 minutos. O tempo de 1 hora de cozimento por banho-maria, conforme mostro no vídeo, deixará o Doce de Leite em uma consistência cremosa.

Para saber sobre os tamanhos de formas, medidas e pesos, acesse:

Brigadeiro Mole Com Conhaque

O Brigadeiro de Conhaque é uma das versões mais gostosas deste doce que é tradicional brasileiro. O conhaque dá um sabor mais acentuado e alcoólico. E como ele é mole, fica uma delícia para ser comido quentinho e com colher.

O preparo deste Brigadeiro é super simples e qualquer pessoa consegue fazer, até mesmo porque, sabemos que há poucos segredos para preparar o delicioso brigadeiro mole.

Não indicado para crianças

Para esclarecer, lembro que o brigadeiro de conhaque é delicioso, mas não é indicado para crianças por conter bebida alcoólica. Ou seja, essa versão pode ser usada para festas de adultos ou simplesmente para adoçar a vida do casal com uma sobremesa diferenciada.

Dois lembretes

Além disso, eu gosto de fazer o Brigadeiro com chocolate em pó. Não gosto de achocolatado, porque a quantidade de açúcar é muita e fica doce demais e, não raras vezes, açucara.

Ainda lembro que, assim como em todas as receitas, o sabor vai variar em muito de acordo com a qualidade dos ingredientes. Então, use ingredientes de boa qualidade.

Brigadeiro Mole Com Conhaque

Ingredientes:

Manteiga – 1 colher (de sopa)
Leite condensado – 1 lata (395g)
Chocolate em pó (acima de 55% de cacau) – 2 colheres (de sopa)
Conhaque – 1/2 xícara (de café)
Chocolate granulado


Portanto, assista ao vídeo abaixo para ver mais detalhes e dicas:

Modo de Preparo:

  • Em primeiro lugar, nós vamos começar o preparo como um brigadeiro tradicional. Coloque em uma panela (de fundo grosso) a manteiga e a deixe derreter.
  • Em seguida, coloque o leite condensado e o chocolate em pó. Misture e leve ao fogo baixo. Você precisa mexer sempre – com paciência – o brigadeiro na panela.
  • Mexa até o ponto de brigadeiro mole, isto é, até desgrudar do fundo da panela. Assista ao vídeo que mostro exatamente qual o ponto do brigadeiro mole.
  • Depois, acrescente o conhaque e misture.
  • Se você quiser o Brigadeiro com o gosto mais forte do conhaque, é só desligar o fogo assim que acabar de misturar.
  • Se, porém, quiser que o álcool do conhaque evapore, misture um pouco mais com o fogo bem baixinho. Ou seja, você pode controlar a quantidade de álcool do Brigadeiro.
  • Depois disso, estando o brigadeiro pronto, despeje em mini taças ou xicrinhas e polvilhe o granulado por cima. De preferência, sirva quentinho, pois fica maravilhoso.

Sugestão:

Aqui no blog tem muitas outras receitas deliciosas de Brigadeiros variados: de Morango, de Ovomaltine, de Paçoca, de Milho Verde e outros. Inclusive brigadeiro feito rapidinho no micro-ondas. Clique aqui ou utilize o recurso de Pesquisa do Blog.

Me siga no:

https://www.instagram.com/AquinaCozinha https://www.facebook.com/AquinaCozinha1

Cookie Americano

Esta receita de cookie é maravilhosa, bem no estilo americano. A receita de cookie é conhecida pela sua praticidade, sendo perfeita para hora do lanche das crianças. Mas não só as crianças gostam de cookies, não é verdade? Eu amo cookies.

Lembro que há diversos tipos de cookies, como aquele que é todo crocante e até aquele é sequinho por fora e com um cremezinho por dentro. E esta receita aqui também é maravilhosa. Faça e comprove!

Um lembrete:

Em primeiro lugar quero lembrar da dica que dou nas minhas redes sociais, aqui no blog e no meu curso, quando sempre enfatizo: use sempre copos e colheres medida. Para esclarecer, todas as receitas que publico são testadas e uso os copos/xícaras medida. Então, quando usamos copos e colheres medida estamos padronizando a receita e qualquer pessoa consegue reproduzir ela em casa sem dificuldade nenhuma.

Você sabia?

O cookie americano não é originalmente americano? O nome “cookie” vem de uma palavra alemã que significa “pequeno bolo”. Originalmente, os cookies eram pedaços de massa de bolo que iam ao forno antes para testar a temperatura, minimizando os erros. Foram os britânicos que descobriram a bolachinha e acharam que combinaria com seu tradicional chá. E combina mesmo, não acha?

Depois de chegarem nos Estados Unidos, por volta de 1930, os cookies ganharam gotas de chocolate, recheios e outras variações da receita, chegando ao que conhecemos hoje em dia. Então, os cookies são uma verdadeira mania nos Estados Unidos e também está se popularizando aqui no Brasil.

Para esclarecer, note que nesta receita preferi fazer cookies grandes, mas você pode fazer de outro tamanho.

Rendimento: 6 cookies grandes

Ingredientes:

100 g manteiga
75 g açúcar
75 g açúcar mascavo
1 ovo
200 g farinha de trigo
1/2 colher (de chá) fermento de bolo
1 pitada de sal
200 g chocolate em barra
100 g de nozes ou castanhas

Cookies Americanos

Assista ao vídeo abaixo para ver mais detalhes e dicas:

Modo de Preparo:

  • Em primeiro lugar, coloque na batedeira a manteiga gelada (não dura) em pedaços com os açúcares. Dê preferência à manteiga, nada de margarina.
  • Depois disso, bata bem até virar uma pasta. Em seguida, acrescente o ovo e bata novamente para incorporá-lo.
  • Quando tudo estiver incorporado junte a farinha, fermento e sal, bata tudo até agregar.
  • Da mesma forma, agregue delicadamente na massa o chocolate e as nozes (você pode usar Castanha de Caju ou mesmo Castanha do Pará). O uso das nozes ou castanhas faz o cookie ficar mais alto e dar estrutura. Se você fizer esta receita sem um deles, o resultado será diferente.
  • Depois disso, faça bolas médias de massa e leve à geladeira por algumas horas.
  • Por fim, coloque as bolas de massa em uma assadeira forrada de papel manteiga e leve ao forno preaquecido a 180ºC durante cerca de 25 minutos. Observe como fazer no vídeo.
  • Não deixe assar completamente, o meio do cookie fica meio mole.
  • Então, retire do forno e deixe descansar por 10 minutos antes de comer.

Dica:

Receita de Waffle

Vamos fazer hoje uma massa doce de Waffle? As crianças amam comer Waffles no lanche da tarde.

Em primeiro lugar, é bom lembrar que esta é uma receita bem fácil e rápida de fazer. Além disso, tem a praticidade de você poder guardar apropriadamente esta massa pronta na geladeira e, na hora que eles pedirem: “Mamãe, quero Waffles”, você tira da geladeira e coloca na máquina e com a cobertura que mais gosta.

Aqui em casa nós comemos Waffle polvilhado com açúcar e canela, como mostro no vídeo abaixo. Mas, também, você pode cobrir os Waffles com caldas de diversos tipos, mel, Nutella, geleia, cobertura de chocolate, doce de leite, frutas frescas, bola de sorvete. Certamente o lanche da tarde vai ficar muito mais gostosos e divertidos.

Aonde surgiu o Waffle?

O Waffle é uma massa de origem belga que é muito parecida com a de panquecas e crepes. A maior diferença está na apresentação, já que esse alimento tem uma aparência com o de uma fatia de pão esburacada. Além disso, a textura fica crocante por fora e macia por dentro.

Receita de Waffle

Porção: 2 Waffles grandes

Ingredientes:

manteiga – 1 colher (de sopa)
açúcar – 1 colher (de sopa)
1 ovo
baunilha – 1 colher (de chá)
amido de milho (maisena) – 1/2 xícara (de chá)
farinha de trigo – 1/2 xícara (de chá)
leite – 1/3 de xícara (de chá)
fermento químico em pó (de bolo) – 1 colher (de chá)

Assista ao vídeo abaixo para ver como eu fiz:

Modo de preparo:

  • Em primeiro lugar, em uma tigela misture a manteiga com o açúcar até se incorporarem. Use um fouet ou garfo para isso.
  • Depois disso, incorpore o ovo e misture.
  • Da mesma forma, acrescente um pouquinho de baunilha, só para perfumar. Pode ser essência de baunilha, extrato ou mesmo a fava baunilha raspada.
  • Junte o amido de milho e depois vá intercalando a farinha de trigo e o leite. Veja dica no vídeo.
  • Misture os ingredientes o suficiente para ficar uma massa lisa.
  • Por fim misture delicadamente o fermento.
  • A massa pronta você pode guardar na geladeira por uns 3 dias em um recipiente fechado. Quando tirar da geladeira a massa pronta para fazer o Waffle, dê uma misturadinha antes de por na máquina.
  • Aqueça a máquina de Waffle até acender a luz vermelha. Coloque colheradas na máquina e espere a luz verde acender.
  • Para concluir, quero lembrar que você deve servir quente com a cobertura de sua preferência.

Segue algumas sugestões de receitas para o Dia das Crianças.

Compota de Goiaba ou Doce de Goiaba em Calda

Essa Compota de Goiaba, que alguns chamam de Doce de Goiaba em Calda é um doce bem tradicional para nós e certamente um doce que todos gostam. Porém, é um doce que anda meio esquecido e quando as pessoas que nunca fizeram ele, vêem fotos ou mesmo ele pronto, acham que é um doce difícil de fazer, complicado mesmo.

Continue lendo Compota de Goiaba ou Doce de Goiaba em Calda

Merengue de Morango com Suspiro

Essa é uma das minhas sobremesas preferidas, o azedinho do morango com o doce do suspiro e o creme de chantilly é uma combinação perfeita. Sobremesa deliciosa, fácil e linda. Lembram que quando fiz o suspiro que publiquei ontem, falei que tinha feito, pois aqui está.

A primeira vez que comi essa sobremesa foi em Campinas, São Paulo e foi amor a primeira vista. Mas, aqui no nordeste eu nunca comi, nem nunca vi em nenhum restaurante que já fui. Se alguém souber, me diz, porque gosto muito.

É uma sobremesa bem fácil e você pode comprar o chantilly pronto e também o suspiro e daí é só montar. Ideal para quem tem duas mãos esquerdas, kkkk.

Merengue de Morango e Suspiro

Tempo Total: 10 minutos
Rendimento: 4 porções

Ingredientes
  • 1 caixinha (200 g) de “Bate Chantilly” gelado ou creme de leite fresco
  • 2 caixinhas de morangos
  • 200 g de suspiros

Modo de Preparo

  1. Assista ao vídeo para ver como faz:

Suspiro

Sempre tive uma relação de amor e ódio com suspiro. Amor porque gosto demais de suspiro (minha avó fazia um recheado que era divino) e ódio porque nunca conseguia fazer, sempre dava errado.

Quando vi essa receita que usa amido e vinagre logo me interessei, porque nunca tinha visto uma receita de suspiro com esses dois ingredientes. Daí resolvi fazer, mas com o pé atrás. Não criei expectativas por que já me decepcionei demais com esse tal de suspiro.

Mas para surpresa geral da nação quer dizer só minha mesmo, deu certo. Aleluia! Aleluia! (leia cantando e olhando para os céus).

Então meus amigos aqui está a receita que me deu a redenção no mundo dos suspiráticos:

Suspiro

Rendimento: + ou – 60 suspiros do tamanho de uma colher de sopa
Ingredientes
  • 6 claras de ovo (240 g)
  • 250 g de açúcar de confeiteiro (2 xícaras de chá)
  • 2 colher (de chá) de amido de milho (maisena)
  • 2 colher (de chá) de vinagre branco

Modo de Preparo

  1. Assista ao vídeo e veja como fazer:

Agora tô a doida do suspiro, querendo fazer suspiro toda hora.

E com uma das fornadas de suspiro que fiz já preparei uma das sobremesas que mais gosto: Merengue de Morango com Suspiro. Amanhã eu posto aqui como fiz, mas não esquece de vir ver (bota um alarme no celular pra tu não perder que vale a pena), além de tudo é uma sobremesa facílima para fazer para as festas de fim de ano.

Pudim de Leite Ninho

 

Pudim de Leite Ninho é daquelas sobremesas que valem a pena, é daquelas sobremesas que a gente nunca enjoa. Acho ela tão suave, tão delicada.

Algumas pessoas fazem ela com água ao invés de leite líquido, mas eu te digo que dá muita diferença, não faz assim não flor. Use leite em pó e líquido também, fica infinitamente mais gostosa.

Se quiser fazer essa receita em forminhas individuais, vai ficar muito lindinha.

Então, aí está essa sobremesa tão simples, tão fácil.

Pudim de Leite Ninho

Rendimento: 15 porções

Ingredientes
    • 1 xícara (de chá) de leite em pó Ninho
    • 1 xícara (de chá) de açúcar
    • 2 xícaras (de chá) de leite
    • 4 ovos
Para caramelizar
  • 1/2 xícara de açúcar

Modo de Preparo (assista ao vídeo no final):

  1. Comece caramelizando a forma: coloque o açúcar e leve ao fogo, assim que o açúcar começar a derreter vá virando a forma até ficar da cor de guaraná. Espalhe essa calda por toda a forma e reserve.
  2. Coloque o leite em pó Ninho, o açúcar, o leite e os ovos no liquidificador.
  3. Bata bem.
  4. Despeje esse líquido na forma caramelizada, cubra com papel alumínio.
  5. Em outra forma coloque água fervendo e a forma do pudim, leve ao forno as duas formas para assar o pudim em banho-maria.
  6. Espere assar uns 50 minutos, depois espete um palito, se sair limpo, está bom.
  7. Deixe esfriar, leve para gelar.
  8. Depois é só desenformar e servir.

Dicas:

  • Se tiver aquela forma que faz banho-maria na boca do fogão ao invés de no forno, pode usar. Eu tenho e sempre uso. Você consegue assar o pudim em bem menos tempo.
  • Se você tiver dúvidas de como caramelizar a forma de pudim, veja esse post:

COMO CARAMELIZAR FORMA PARA PUDIM